Who is the real Great Gatsby after all?

Agosto 16, 2013 in MOVIES & PLAYS, RANDOM STUFF

Dois filmes com o mesmo nome, baseados no mesmo romance… a única coisa que os distingue são os 39 anos que os separam, duas visões ligeiramente diferentes do mesmo romance clássico, uma vida de avanço tecnológico entre as duas produções e actuações substancialmente melhores, estas do século XXI.

Antes de The Great Gatsby estrear eu já andava praticamente a contar os dias depois de me ter encantado com o trailer e com alguns artigos que fui lendo sobre esta mega produção. Tinha todos os ingredientes para me apaixonar…sempre imaginei (porque nunca li o livro) que fosse uma belissima história de amor, porque o casting de atores me entusiasmou e porque acho que este realizador, Baz Luhrmann, consegue sempre pegar numa história e transforma-la em magia. Isto para não falar que sou mega fã da sua mais que premiada designer de eleição (stage and costume designer) que tem participado em todos os seus filmes deste Romeo+Juliet , Catherin Martin, e porque sabia que o guarda roupa tinha sido todo desenhado em parceria com a estratosférica Miucia Prada. A cereja no topo do bolo seriam as joias Tiffany… um pacote perfeito, imaginei. – E foi! – Em termos de cinema e realização, aparato, produção, espetaculo… foi do melhor que já vi nos ultimos tempos. Gostei tanto de tudo que levei o Salvador ao cimena passados dois dias porque achei que ele iria adorar a teatralidade de tudo e eu ia gostar de rever certas cenas e notar em cada detalhe. A fotografia, design de cenários e guarda roupa é, literalmente, de cortar a respiração. LINDO! Saimos do filme com a sensação que estivemos, nós mesmo, numa daquelas épicas festas do Jay Gatsby, que bebemos Moet Chandon ao som do charleston com beat the Jay Z e que morremos de calor numa tarde no Plaza em Nova York salpicada pelo refresco de whisky servido com muito gelo.

Nas semanas que se seguiram entre algumas críticas que li e conversas entre amigos, ouvi os piores comentários. Quase sempre por comparação com o filme anterior de Jack Clayton e Francis Ford Coppola em que brilharam Robert Redford e Mia Farrow como um dos pares mais românticos do cinema. O novo Gatsby para alguns foi enterrado vivo ou enforcado em praça publica, como algumas de vocês devem saber porque não faltaram péssimas criticas na impressa.

Por isso falo hoje, depois de ter visto a versão DVD em casa, presente de aniversário da minha querida amiga Natacha, o Gatsby de 1974 e respondendo à pergunta inicial, qual dos dois atores encarna melhor o personagem deste mítico Gatsby…. agora com conhecimento de causa, sem a menor dúvida…. LEONARDO Di CAPRIO.

Ver os dois filmes dá-nos uma prespetiva muito nítida de como Di Caprio é um ator extraordinário. Consegue passar, não só, a imagem de uma homem bonito, atraente e generoso mas que era também, ao mesmo tempo, complexado, inseguro e muito desiquilibrado. Um homem obstinado por uma paixão que cultivou durante anos, que não tinha real fundamento.

Nesta versão atual, existe uma visivel empatia entre os atores Di Caprio e Carey Mulligan. Na versão anterior não. Rober Redford é um home lindo, disso ninguém tem dúvida. Mas este personagem pedia bastante mais e isso, ele não conseguiu dar. Quase nada, nem paixão, que seria o mínimo indispensavel para o nosso coração bater. Passou muito pouco….

Ou seja, quando ouço dizer mal de Lionardo Di Caprio, penso sempre que são opiniões pouco atentas e nada fundamentadas. Dizer que este homem é um mau ator é , há falta de melhor adjetivo, foleiro. Mas enfim… what can I say?!

Em relação ao livro… não vou ler! – Achei a história muito curta em interesse. Acredito que deva estar muito bem escrito, só assim se poderia ter tornado num clássico, mas dispenso. O filme vive mesmo só da magia dos anos 20, de uma produção mega e de uma realização de mestre. Atores maravilhosos vestidos de Prada e Brooks Brothers com tiaras da Tiffany. E deste maravilhoso ator, seu nome Di Caprio, o grande Gatsby! That’s about it!

Espero que tenham gostado desta semana de cinema! – Quem não viu The Great Gatsby pode e deve comprar o DVD. Ou colocar já na lista de presentes de natal. Deve ser visto!

Siga este link para comprar o DVD

UM GRANDE BEIJINHO E CONTINUAÇÃO DE BOM FIM-DE-SEMANA COMPRIDO!!

MARIA