As Rainhas de Cannes e o Papagaio de Papel…

Maio 21, 2015 in FASHIONABLE

Acho que posso dizer, com alguma segurança e razão, que a Red Carpet de Cannes, este ano, pôs a passadeira dos Oscars no chinelo! – As divas de Hollywood encheram-se de brio e decidiram arrasar na Côte d’Azure! Cada uma mais mais brasa que a outra…

Começando pela queridíssima Lupita com este Gucci verde que a faz parecer uma African Queen. Welcome back Lupita!! – Eu sei que o vestido Calvin Klein fez muito sucesso nos Oscars e sim, era muito invulgar e tinha muitas pérolas e tudo e tudo… mas havia qualquer coisa de circense about it que me deixava inquieta. Havia ali uma vaga semelhança com uma domadora de cobras… não vos sei dizer exatamente porquê mas aquela gola de pérolas parecia-me uma grande anaconda pendurada no pescoço na nossa Lupita… Para não falar no que a moça deve ter padecido todas aquelas horas sentada em cima de um monte de pedrinhas… coitadinha. Quem lhe roubou o vestido, fez-lhe um favor, não fosse alguém ter ideia de a voltar a querer ver outra vez enfiada naquilo. Ufa!

canees 2015

A atriz Julianne Moore desfilou aqui tão mais bonita com este Armani Prive preto. Adorei o cabelo e aqueles olhos bem marcados com os lábios nude…para não falar nos brincos divinos. Nos Oscares não consegui propriamente dizer mal do vestido Chanel porque lhe dava um ar de Hollywood Royalty mas estava tão, mas tão melhor agora em Cannes… 10 anos mais nova. Way to go Julie!

cannes 2015

A Naomi Watts leu o meu post das Previsões para os Oscares 2015 [AQUI] e achou graça ao vestido que sugeri para a sua amiga Julianne Moore, vai daí não perdeu tempo e ligou ao Elie (Saab) e reservou o vestido mais bonito da coleção para arrasar em Cannes! Estava uma princesa. Linda de morrer! – Não tens nada que agradecer Emma. É para isso que servem as amigas!! – Para o ano, leva-me contigo a Cannes e ficamos quites, boa?

cannes 2015

A nossa Emma que tinha ido passear a taça de guacamole para os Oscares para meu grande desgosto, agora encheu-se de juizo e estilo, seguiu o meu humilde conselho e levou um LBD Oscar de la Renta que lhe ficava precioso em contraste com aquela pele de boneca de porcelana que ela tem. Até a onda do cabelo estava mais cool. Acho esta atriz assim uma coisa…

cannes 2015

E pronto já só faltava mesmo eu fazer as pazes com esta diva. Cate Blanchett que me desiludiu nos Oscars com aquele Vestido Galliano for Margiela mas que aqui tirou o máximo partido da sua extraordinária figura. O vestido apesar de não ser de cortar a respiração, fica-lhe bem, favorece-a, rejuvenesce-a e tem um corte chiquismo. Mais um bonito modelo Armani Privé a brilhar em Cannes.

cannes 2015

Pronto, não é preciso dizerem… eu sei! Aquilo em Cannes é uma festa pegada e as miúdas têm mais hipóteses de acertar porque ele é red carpet de manhã, à tarde e à noite, non stop, sempre a trocar kits durante uma semana. Vida dura destas pequenas. Mas pronto… mesmo assim a minha pessoa ficou contente com tanta pinta e tanto vestido giro. Inspiração é bom e eu agradeço! E que elas estavam mesmo (quase) todas* mais giras, estavam!

asterisc(quase todas…)

Sienna Miller

O que seria da regra sem uma gloriosa exceção??!!! Um tributo ao papagaio de papel? A sério Sienna?? Como é que foste cair nessa cilada? Vou-te dizer uma coisa… a ideia de fazer um kite dress é má mas a execução… está ainda pior que a ideia. O forro branco mais curto que a saia azul, aquelas costuras na frente, o pot-pourri de cores que não combinam. Este vestido é aquela piada sem punch line, a anedota que não faz rir …um verdadeiro awkward moment! Que treta amiga… isto em Cannes não correu nada bem!

beijinhos

 

The not so great from the Oscars 2014

Março 5, 2014 in FASHIONABLE

Isto de”cascar” em divas tem o que se lhe diga. Não será demais repetir que quem me dera a mim algum dia da minha vida ter o aspeto sequer aproximado de algumas delas. Não estou a desdenhar… mas como sei que estes posts têm graça e porque na verdade, todas à nossa maneira, gostamos de ser “treinadoras de bancada” e achamos sempre que podemos destilar um bocadinho de veneno para os vestidos das outras… aqui vai…. Só para vocês se rirem! E eu também, claro.

O Count-down começa na numero #6 a contar do fim…. como é possível eu dizer isto?!…. A Anne Hathaway (?!) que eu acho linda e tudo e tudo… mas… desde que cortou o cabelo, não consigo achar metade da graça e então com este vestido tão sério e estruturado…. estava mesmo sem gracinha nenhuma. Parecia um “soldadinho de chumbo”, com um ar assim meio andrógeno mas sem pinta nenhuma. Mi no gostar! – Quando chegou ao palco os espelhos refletiam a luz de uma forma tão marcante que parecia um personagem da guerra das estrelas. Não, não Anne… a malta não gosta nada de te ver assim! Deixa crescer o cabelo e volta àquela versão mais feminina de ti que te adoçava e favorecia um montão!!

A minha numero #5 a contar do fim é a tão aclamada Charlize, que, se não me engano, está em praticamente todas as listas das mais bem vestidas. O meu problema é que eu não me consigo livrar da primeira imagem com que fiquei deste vestido quando ela apareceu na passadeira vermelha… Um grande par de cornos espetados. Na verdade… uma péssima ilusão de ótica! – Depois de tentar digerir a primeira impressão, até consigo ver que o vestido tem um cair lindíssimo e que lhe assenta como uma luva e que o colar de diamantes é maravilhoso e que ela na verdade é tão bonita que tudo lhe fica bem… mas depois, logo a seguir, volta aquela imagem de soutien com alças de silicone e eu morro. Não aguento o género! É muito foleiro… Tenho pena, até tentei gostar, mas não consegui.

Esta pequena (literalmente pequena… dava mais ou menos pela cintura da Cate Blanchett…) não ia nada bem. Vou tentar explicar a sensação que eu tive quando a vi aparecer e ser entrevistada na Red Carpet…. Foi tudo em cima do joelho! Ela, obviamente não era de lá e à ultima da hora não arranjou um bom cabeleireiro. Então foi em versão cabeleireira do bairro que faz canudos mas que nem os escova no fim… não sei explicar. Para a próxima diz-me qualquer coisa e eu vou contigo Sally, sempre me ajeito menos mal com o Babyliss. A maquilhagem não estava nada de especial também…. Depois, as mangas a dar pelo final das falanges… mal se viam as unhas de fora. Péssimo. A verdade é que era um belíssimo Valentino mas nela parecia uma toalha de croché da avó. A prova que não é o vestido  que faz a mulher mas a mulher que faz o vestido. Por tudo isto e mais qualquer coisa, esta belíssima atriz é a minha numero #4 a contar do fim!

Ai Anna, Anna… por onde é que eu vou começar. O vestido é sinistro. Pronto, já comecei e acabei. Péssima escolha! – Este é daqueles que não dá sequer para puxar por ele porque apesar das tiras todas não tem por onde se lhe pegue. O que será que o senhor Mendel (J Mendel) estava a pensar quando desenhou este vestido… “deixa cá complicar isto muito, muito… até ficar inconcebível!” Tá feito! – Então a “rendinha” na zona abdominal eu vou-te contar Mendel… indiscritível! Para mim este vestido não dava nem para um pano de cozinha. E assim, com um mau vestido a querida Anna Kendrick foi para ao numero #3 a contar do final da minha lista!

A sério Gaga????? O que é essa peruca vergonhosa???? Nem sei se consigo descer para o vestido. Os meus olhos não se conseguem distrair do facto de que esta senhora foi com uma peruca mal amanhada para a cerimonia dos Oscars. Haverá necessidade?! Também acho que não amiga! Depois disto ela até podia levar um vestido maravilhoso que acabava nesta lista de qualquer forma. Mas, efetivamente, não foi o caso. Não gosto do vestido em tons lilás (esta palavra diz tudo)… e muito menos do lenço de organza a cair pelo pescoço à lá casamento rural. Esquece Gaga! Venham lá os vestidinhos de carne crua… ao menos ficas na prateleira das excêntricas. É que assim ficas só mesmo no das mal vestidas! E pronto… com este veneno todo a amiga Lady Gaga foi a minha numero #2 a contar no terrível fim!

WTF?! – Podia ficar-me por um simples WTF, certo?! Palavras para quê?! – Tudo ao lado! – Começando pelo sapato “Hush Puppie” preto, passando para o “pijama” de seda azul petróleo, para a grave falta de um soutien que escondesse a forma dos grandes mamilos… e acabando da madeixa azul feita com um daqueles sprays da Claire’s que a Clarinha andou a implorar para o Carnaval. – Liza… eu acho que tu querias ter ido para o Rio… tinhas lá uns amigos e até já te tinham guardado um lugar num bom camarim para veres desfilar a Mangueira…. mas fumaste a erva errada e acabaste nos Oscars! – Cuidado que isso ainda te faz mal miúda! – Sim, és mesmo a numero #1. Lá por seres Hollywood Royalty… aqui a malta não tem grande apego a esses rótulos, por isso temos pena!

 

Pronto… já chega de disparates! – Contem-me vocês também quais foram aquelas que vos fizeram uma urticáriasita para eu me rir também!

 

…PARA O ANO HÁ MAIS!! – UM BEIJINHO GRANDE PARA TODAS!

MARIA

And the BAFTA for best dressed goes to….

Fevereiro 17, 2014 in FASHIONABLE

A red carpet dos BAFTA Awards (British Academy of Film and Television Arts) é, sem duvida, a “parente pobre” das Red Carpets desta temporada. Não estou a falar da importância dos prémios…. Mesmo, e só, do aparato da Passadeira Vermelha. Começa por não ser tão bem organizada… nas “red carpets” americanas tudo é estudado ao minuto, as atrizes vão chegando de uma forma cronometrada e as entrevistas seguem-se umas às outras de uma maneira metódica e organizada. Nos BAFTA a coisa é mais à europeia em todos os sentidos. Os apresentadores parecem sempre ligeiramente desorganizados e sem perceber ao certo quem chega… parece tudo bastante mais improvisado. Depois está sempre um frio descomunal… quando não está mesmo uma tempestade de chuva e vento, como foi o caso do ano passado. Claro, não há milagres… Fevereiro em Londre?! Onde estavam com a cabeça quando decidiram esta data? Vejam lá se os Franceses não fazem o seu festival de cinema de Cannes em Maio?? Claro… chama-os de parvos! – Seja como for, os homens sempre passam com mais à vontade… agora as mulheres… com vestidinhos sem mangas?! Pobres… o ar de sofrimento nem nos deixa gozar o momento. Por isso eu não sou fã desta Red Carpet… sofro por elas… não vos sei explicar! É mais forte que eu! – Mas mesmo assim vejo! Por isso não queria deixar de fazer o meu post sobre as minhas preferidas…. ( e reparem como estou a melhorar em timming!!! Os prémios num dia e o post logo no outro! – Eu faço-me! Qualquer dia estou a postar em simultâneo! ; ) Just Kidding!)

LUPITA NYONG’O

CHRISTIAN DIOR COUTURE

Esta rapariga, converteu-se, literalmente, na Red Carpet Queen de 2014! – Faz consequentemente escolhas acertadas e não há como não ficar rendida à sua elegância e bom gosto! Ou antes, ao bom gosto da sua stylist e ao seu bom senso. Sim porque ninguém acha que é ela que faz estas escolhas por si, certo? O tempo dessa nossa ingenuidade já lá vai… correto, amigas?! Hoje em dia sabemos que as pessoas que vestem estas celebridades são, algumas delas, celebridades no seu próprio direito. Casos como o de Rachel Zoe são exemplos de como as pessoas responsáveis pelo sucesso destas actrizes nas passadeiras vermelhas são quase tão importantes para a projeção das suas carreiras, como o seu desempenho nos filmes em que participam. Serem boas atrizes vale-lhes bons papeis, serem notadas e fotografadas nas passadeiras vermelhas, vale-lhes contratos milionários de publicidade e box office. Isso traduz em melhores papeis e cachês milionários. That’s how it goes!

LINDA sem mais palavras! Este vestido verde esmeralda foi uma escolha mais que acertada e a verdadeira joia naquela passadeira ligeiramente “boring”. AMEI mesmo! O meu favorito da noite!!!

ANGELINA JOLIE

SAINT LAURENT

OMG…. o que são estes dois???!!!! – São realmente um casal “visualmente irrepreensivel”. Nunca saberemos ao certo de são mesmo felizes, se ela é realmente desequilibrada, se a vida com aqueles milhares de filhos é mesmo um inferno ou se tudo é um mar de rosas … mas que são os dois LINDOS de mais e que arrasam quase sempre que aparecem publicamente, isso ninguém pode negar!

Eu achei a escolha dela uma das mais inteligentes e acertadas da noite. Calças e blazer parece-me muitíssimo bem numa noite gelada de Fevereiro. Mas não são umas calças e um blazer quaisquer… estamos a falar de um Le Smocking YSL original.

Acho que todas as mulheres deviam ter o direito a um Le Smocking na vida. Devia ser uma obrigação da Segurança Social oferecer-nos um destes quando chegassemos à idade adulta. Entre tantas outras coisas que a Segurança Social nos podia oferecer… ; ) E pronto… estava feito. A partir daí sabíamos que, em qualquer situação mais formal, fosse verão ou inverno, tivéssemos ou não a depilação feita, a barriga em ordem ou o tom da pele perfeito, iríamos sempre parecer bem. Um verdadeiro KIT Primeiros Socorros para festas! – Mas para ser tinha que ter a etiqueta YSL. Um dia, não há muito tempo, caí no erro de ir experimentar um smocking da Zara e o resultado foi gravíssimo. Nunca caiam nessa tentação. Melhor fazer um “porquinho” e no dia em que o “porquinho” estiver bem “gordinho” com 2500 € na “barriguinha”, então fazemos a compra certa.

Amei este look! – O cabelo, a maquilhagem, o brinco, o laço desfeito, a camisa, o sapato de verniz e… o marido! Também! Muito bem escolhido sim senhor! – A malta grama mesmo este casalinho!!

 

NAOMIE HARRIS

GUCCI

Eu lá podia ser indiferente a um vestido cor-de-rosa com um cinto preto!!?? …. Claro que adorei! – Adorei várias coisas, para além da conjugação das cores. Adorei o decote vertiginoso e a racha muito pouco comedida. Sempre que um vestido ou um outfit deitam por terra uma destas “regras da moda”..  (regra #546 – temos que escolher entre mostrar muito decote ou muita perna) acho sempre alguma graça. Especiamente neste caso em que com o decote até ao umbigo e a racha até a virilha, a atriz estava chiquissima e com o ar mais seleto e elegante do mundo. Uma questão de atitude amigas! Atitude e bom ar! – Ajuda muito!!

Adorei também as mangas nos 3 ºC Londrinos! – Gostei do cabelo, do brinco, da cor das unhas… gostei de tudo! Estava linda e com um ar distintíssimo!!!!

Bom… tenho de ir trabalhar! – A conversa estava maravilhosa mas hoje é segunda feira e eu tenho muita coisa para fazer! – Imagino que vocês também por isso, bora fazer pela vida !!! : )

BEIJINHOS E BOA SEMANA DE TRABALHO PARA TODOS!!!!

MARIA

 

My Favourite Grammy’s Red Capet Looks!

Janeiro 28, 2014 in FASHIONABLE

TAYLOR SWIFT IN GUCCI

Ai, ai… mais uma Red Carpet. Como se já não bastasse de eventos! – Lá fiquei eu, outra vez, pregada à televisão até à uma da manhã. Não há direito… Ainda bem que ninguém me disse que a cerimonia ia dar em direto no Canal Sic Caras porque acho que não tinha resistido à tentação e depois acordar na 2a feira as 7:00 para ir levar as migalhas à escola é que iam ser elas!!

Grammys são Grammys… já se sabe que o gênero é, completamente, diferente. Ligeiramente menos glamorosa que as passadeiras vermelhas das cerimonias de cinema, esta Red Carpet é muitas vezes marcada por alguma excentricidade, imprevistos e, no caso do ultimo domingo, muitos “fashion flops” . Também houve algumas faltas importantes… Sem Rihanna e sem J.Lo a coisa perde logo metade da graça. Mas enfim… lá foram aparecendo umas simpáticas que me salvaram a noite!

Salvou-se, e muito bem, a Taylor Swift que se apresentou no seu melhor! – Estava um arraso e beneficiou, sem duvida, de falta de concorrência à sua altura. Foi a miúda mais gira da Red Carpet com um seu vestido Gucci em rede metálica. Ela confessou ao Ryan Seacrest [canal E!] que sentia como se tivesse uma armadura vestida. Não há duvida que em certas situações, sentirmo-nos bem escudadas dá um grande jeito! – Adorei os brincos, o rabo de cavalo e a maquilhagem. Linda e sexy, sem rachas nem decotes. Uma lição de elegância… Mesmo!

GIULIANA RANCIC IN ALEX PERRY

A minha querida Giuliana Rancic (notem o tom de intimidade… parece que andei com ela na escola…) que nesta Red Carpet Season ainda não tinha acertado uma, desta vez arrasou com um modelo de renda de Alex Perry. Este designer Australiano tem vindo a ganhar popularidade entre as celebridades principalmente depois da Sandra Bullock aparecer com dois vestidos seus desta colecção Resort 2014. O vestido era lindo, a cor ficava-lhe a matar e ela estava radiosa. Tudo brilhou de forma diferente… a maquilhagem, as jóias… estava uma princesa!

 

 CIARA IN EMILIO PUCCI

E eu que não costumo adorar grávidas (long story…) fiquei absolutamente rendida à Ciara! Com um modelo Emilio Pucci feito exclusivamente para ela pelo designer Peter Dundass. What an honor!!  O vestido tinha assim um ar ligeiramente oriental em tons nude, rosa pálido e dourado… parecia uma verdadeira obra de arte. A cor do cabelo e a forma como estava apanhado deu ao conjunto toda a coolness que precisava. Não havia grandes adereços… só mesmo um rosto bem maquilhado e radioso. Amei!

CHRISSY TEIGEN IN JOHANNA JOHNSON

Mais uma vez, volto a escolher a modelo Chrissy como uma das mais bem vestidas. Digo isto porque um dos meus primeiros posts no blog foi sobre a Red Carpet dos Grammy’s de 2013 e lá estava ela entre as minhas quatro favoritas. (para quem não se lembra desse post pode ver AQUI) . Só para relembrar como esta rapariga tem sido positivamente consistente nas suas escolhas de moda, o que é sempre uma coisa agradável de assistir para quem está deste lado. No domingo estava, mais uma vez linda e simples no seu vestido dourado. Gostei do tom de pele, da maquilhagem, do cabelo… gostei de tudo!

Pronto… não se preocupem que nada nada estão aí os BAFTAs e a malta volta a ter mais vestidinhos para comentar!!! Que canseira…

E voces?? Contem-me qual foi a vossa preferida dos Grammys???

UM BEIJINHO PARA TODAS,

MARIA

 

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: