MB Estoril Challenger 2016

Julho 12, 2016 in MY HAPPY SELF

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

Se me tivessem perguntado há uns anos (não é preciso recuar mais de 3) se algum dia misturaria uma festa de aniversário com um torneio de padel, eu talvez começasse por perguntar o que era padel e depois dava uma gargalhada daquelas que faz eco e acabava a conversa. Nunca na vida pratiquei desporto. Nunca competi em nada a não ser jogos de poker. Com raquetes?… nem ping-pong. Nada. Zero cultura desportiva, zero aptidão para desporto…

Quem me vai lendo há mais tempo sabe que entrei para o Padel arrastada por umas amigas e pela ilusão de poder usar kits giros e saias de pregas [AQUI] . Na primeira lição o professor deve ter-me achado um caso perdido… levou-me para um campo à parte e atou-me a mão ao punho da raquete com uma bandana tal era a trapalhada. Só ao fim de um ano de ter lições semanais participei num jogo amigável. Achava que tudo se resumiria, sempre e para sempre, a lições semanais. Quando finalmente me arrastaram para jogar, fugia da bola, não percebia os pontos, embrulhava-me na contagem e perdia tudo. Fogo, tenho mesmo umas amigas espetaculares porque, só com muito amor, se aguenta uma naba destas.

Hoje acho que o Padel é uma das partes mesmo giras dos meus dias. Jogo com alguma regularidade, às vezes já acerto na bola e divirto-me à séria. Pelo meio digo imensos palavrões… nada pessoal. Nunca me irrito com ninguém a não ser com a p… da bola. Também me irrito comigo, às vezes, naqueles dias em que devia ter ficado em casa em frente à televisão a ver as Kardashians porque o nível de reflexos só dá mesmo para trocar de canal e pouco mais.

Bom isto para vos contar que este ano uma amiga, que por acaso até joga padel nas horas, tem as mesmas inicias que eu (Maria Barreto) e partilha comigo a honra de fazer anos no mesmo dia… o dia que viu nascer a saudosa Princesa Diana e o Grande Sporting Club de Portugal (entre outras personalidades estrelares), me desafiou para organizarmos um torneio de Padel para os nossos anos!

Pronto e foi isso… tivemos pouco mais de uma semana para preparar o que acabou por ser, sem dúvida, #OMelhorTorneioDePadelDoMundo.

Estoril Challenger

O evento aconteceu com grande animação e plantel lotado ( 40 espetaculares padelerias)  no Clube de Tenis do Estoril. O vento de 100 nós, da noite anterior, parou para a nossa festa. Portugal ganhou à Polônia ficando apurado para os Quartos de Final. Eu e a minha parceira, Maria Barreto, ganhámos os dois jogos, não fosse ela aquele torpedo em campo. Tive lá quase todas as minhas amigas do coração porque até de dedo do pé partido tive presenças. Não falhou nada!

MB Estoril Challenger

Jantámos o Melhor Sushi do Mundo… O sushi da Confraria. Isto de ter amigas donas de restaurantes e que alinham nas nossas ideias não tem preço! Obrigada Vi, sem o teu delicioso Sushi (o único que eu como, na verdade)  a festa não tinha tido metade da pinta!

 [ CONFRARIA ]

Confraria

Alambasámo-nos pela noite fora com Gelados Artisani. Obrigada Artisani por nos ter mimado com tantos gelados maravilhosos, em especial com o meu sabor preferido… Pastel de Nata. Ninguém tem um gelado igual!!

 [ ARTISANI ]

Artisani

MB Estoril Challenger

Tivemos Bar Aberto de Gin com Schweppes de Hibiscus e DJ a bombar para dançar entre jogos e penalties! Melhor era impossível…

[www.schweppes.pt ]

MB Estoril Challenger

tonica-schweppes-hibiscus

O nosso bolo foi idealizado por mim e maravilhosamente interpretado e feito com amor pela minha querida Silvia Baião Ferreira da A Festa do Bolo, em quem confio sempre a tarefa de tornar os aniversários da nossa família mais especiais. Os bolos não só são lindos como sabem mesmo bem! Obrigada Silvia pelo talento e carinho que põe em cada bolo e em cada festa!

[www.afestadobolo.blogspot.pt ]

Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

O logo do Torneio foi feito a partir de uma ilustração do talentoso André Poeira. O Design Gráfico foi feito no nosso atelier e as impressões em grande escala e os rótulos das garrafas ficaram a cargo da empresa com quem trabalho há muitos anos, a Logotexto.

 [O Atelier do Poeira ]

 [LOGOTEXTO ]

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

O espaço em si não é particularmente bonito por isso para tornar a atmosfera mais charmosa tive a ajuda preciosa do meu amigo Martins Alves e do seu maravilhoso acervo para festas. Numa terça feira fui ao armazém dele em Mafra escolher as peças e na 5a feira as 10:00 com pontualidade britânica estavam lá os seus homens para descarregar mesas, sofás, poufs e algumas plantas que vestiram com todo o charme no nosso clube do Estoril.

[ MARTINS ALVES ]

DSC_6943

Obrigada à Mesh que ofereceu o presente para a melhor dupla da noite. As queridas Emilie e Nicole levaram para casa o diploma da melhor prestação do torneio e uns calções lindos da Mesh para cada uma. Para quem não conhece a Mesh é uma marca de roupa de desporto que começou por ser a primeira marca portuguêsa de roupa de padel!

[ MESH ]

E isto de ter amigas que publicam livros giros também tem o que se lhe diga!!! A nossa amiga Susana Roncon Chaves ofereceu às vencedoras o seu recente livro  – “Cão Educado Família Feliz” – A Susana para além de ser linda, jogar Padel e escrever livros, tem uma escola de treino de cães, a Busca!

[ BUSCA ]

MB Estoril Challenger

Obrigada também ao nosso querido Pedro Plantier (mais conhecido por Pitucas) e à sua escola de padel, a Playpadel, não só por nos ter cedido os seus 3 campos mas principalmente por nos ter organizado os quadros dos jogos, pelo apoio moral e por ainda se ter disponibilizado para oferecermos uma aula particular à dupla com menos pontos. Porque as ultimas são as primeiras e porque os talentos escondidos devem ser estimulados (eu que o diga!) as nossas mais queridas Marta e Sara, não saíram do torneio de mãos a abanar!

[ PLAYPADEL ]

MB Estoril Challenger

Obrigada às tantas amigas que se voluntariaram para levar crepes e espetadinhas de legumes e mini sandes e brigadeiros e tudo e tudo e tudo… Não faltou nada neste torneio!!

MB Estoril Challenger

Também não nos faltou uma fotografa maravilhosa que se tornou invisível e se infiltrou com a sua lente, em cada jogo, cada conversa, cada brinde de gin, cada gargalhada… esteve praticamente omnipresente em todos os momentos e foi registando com tanta pinta tantos momentos espontâneos tornando-os inesquecíveis. Obrigada Ieva!!! You Rock! Sorry I don’t have a picture with you to post… but your pictures speak on your behalf!

 [Ieva.Studio ]

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

MB Estoril Challenger

À Meia Noite apagámos as nossas velas, recebemos imensos presentes lindos e ainda tivemos a surpresa de ter conosco as nossas famílias. Enfim… umas mimadas!!!

Foi um dia muito querido, cheio de luz, amor e paz. Depois de um ano muito complicado Deus deu-me esta alegria de começar esta nova etapa de uma forma tão feliz e especial. Nunca me vou esquecer de nada, mas principalmente da amizade, das gargalhadas e do carinho de todos envolvidos. Senti-me muito abençoada! Obrigada à Maria, a minha #GémeaSeparadaÀNascença! A ideia foi tua, tiveste um trabalhão, gerir 40 mulheres foi “tipo caótico” mas fizeste-o quase com uma perna às costas enquanto eu me fui entretendo com as partes “queridas”. Para o ano, se nos tivermos esquecido das “dores do parto” voltamos ainda melhores! E Obrigada a todas, miúdas giras e bom astral, sem vocês isto não tinha tido gracinha nenhuma!

MB Estoril Challenger

[ A tropa, quase toda, reunida para a foto final ]

Para verem todas as fotografias do MB Estoril Challenger (mais de 200 fotografias) sigam para a página de Facebook da Ieva. [ AQUI ]

Espero que tenham gostado desta mega reportagem. Deu um trabalhão! ; )

 beijinhos

Palm Beach Revival – A Festa das Mesas

Outubro 27, 2014 in MY DESIGNS, MY WORLD OF INTERIORS

A Festa das Mesas

E pronto, cá estou eu para vos contar tudo (o pouco que ainda não sabem…) sobre a minha mesa em Palm Beach e a memorável Festa das Mesas. Quando escrevo “memorável”, não é só para lhe acrescentar um adjetivo pomposo. Chamei-lhe memorável porque o foi, efetivamente, para mim. Foi um evento em tudo especial… Muitas vezes neste tipo de eventos, em que fazemos exposições e mostras ao público, nos dias de inauguração, passam tantas pessoas por nós, queremos conversar um pouco com todas, queremos estar com todos e em todo o lado e muitas vezes acabamos por não conseguir usufruir do momento. Nem do momento nem das decorações que fazemos. Não vivemos os nossos projetos. É tudo muito etero, muito superficial, muito a correr…

Na festa das mesas aconteceu exatamente o contrário… preparámos o cenário de um jantar onde todos fomos protagonistas. Apesar de, na verdade, gostar de lá ter tido o triplo dos amigos, porque não é nada fácil escolhermos apenas 10 pessoas para um jantar, acabei por convidar apenas as amigas que eu sabia que iriam alinhar 100% na parodia de vestir com rigor o feel retro da decoração. As minhas 9 amigas (algumas delas também minhas clientes) vestidas, penteadas e maquilhadas a preceito, foram a extensão perfeita e o adereço imprescindível ao projeto da minha mesa que tentou recrear um ambiente vivido num jardim de Palm Beach nos anos 60, com cores Lilly Pulitzer, folhas de palmeira e cadeiras pavão. Foram elas, os nossos brindes, as risadas, as confissões e inconfidências que trocámos que tornaram a minha Festa das Mesas realmente especial e memorável. Porque a decoração influencia o nosso estado de espirito e, no limite,  são as pessoas que dão vida à decoração, fechando o ciclo do projeto.

Posso dizer, com a maior honestidade, que este projeto que vêm aqui em fotos, triplicou em charme e alegria com as nossas conversas e gargalhadas! Foi uma festa em tudo inesquecível! – Só espero que para o ano haja mais!

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

_DSC0401

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

A Festa das Mesas Maria Barros

 

A festa das Mesas

Sem a preciosa colaboração da Vista Alegre a minha mesa não teria brilhado da mesma forma. Algumas de vocês não reconhecerão o serviço exatamente porque não se trata apenas de um serviço VA mas sim três… O prato marcador às riscas preto e branco a fazer um espelho com o guarda sol é do serviço SOL E SOMBRA, o prato principal encanastrado amarelo é do novíssimo serviço OLHAR O BRASIL e os pratos de entrada e sobremesas (cor-de-laranja e cor-de-rosa) eram do serviço COLOURS.

As plantas envasadas que deram o ar ultra tropical à minha mesa são da empresa de organização de eventos MARTINS ALVES.

Aquele bolo de sonho e os cupcakes que puseram na minha mesa tropical o selo de “Festa” são da autoria da Silvia Ferreira da  A FESTA DO BOLO. Descobri o trabalho da Sílvia através da minha querida Fátima Mesquita e desde o primeiro bolo que nos fez para a Primeira Comunhão da Clarinha [AQUI], que fiquei incondicional fã do seu trabalho.

O tecido cor-de-rosa pastilha elastica que forrou os coxins das Cadeiras Pavão e que fez o vivo do guarda sol é da Designers Guild e é distribuído para decoradores e lojas de decoração através da empresa PEDROSO & OSÓRIO.

Tudo o resto, tecidos, peças decorativas, mobiliário… fazem parte da nossa coleção MB Home.

A organização do evento esteve a cargo deste grande amigo de longa data que tem sido um dos únicos impulsionadores deste gênero de eventos que premeiam a decoração como uma arte no nosso país – CARLOS PISSARRA.

A Festa das Mesas Maria Barros

No dia 18, por ter sido um Jantar de Mulheres e porque estamos em Outubro, mês em que se celebra este movimento de sensibilização e luta contra o Cancro da Mama, juntei ao meu projeto a empresa de cosmética Estee Lauder, conhecida por ser a grande pioneira nesta causa. Fizemos questão de colocar, todas, um laço cor-de-rosa antes de jantar e falámos um pouco sobre esta causa que a Estee Lauder abraçou de forma tão nobre e ativa! – E as minhas leitoras?… Já fizeram o rastreio anual de prevenção?

Espero que o post tenha satisfeito a vossa curiosidade. Se vos sobrarem questões, não deixem de fazer um comentário. Vou fazer questão de responder a cada pergunta!

Ainda volto esta semana para partilhar fotos do evento e para vos contar mais detalhes sobre o nosso dress code e de como conseguimos o perfeito look 60´s!

beijinhos

A memorável Festa das Mesas!

Outubro 22, 2014 in MY DESIGNS, MY WORLD OF INTERIORS

Maria Barros Interior Design

Na semana passada contei-vos sem desvendar o véu, que se aproximava um evento de decoração e Life Style para o qual a minha atenção estava 100% virada.  A festa aconteceu este sábado, dia 18, no Hotel Palácio do Estoril. A organização [A Festa das Mesas] reuniu um grupo fantástico de decoradores e convidou-os a projetar, cada um à sua maneira, uma mesa que receberia 9 dos seus pessoais convidados. Não tivemos quaisquer restrições decorativas. O tema era livre! – Só tínhamos mesmo de surpreender e trabalhar o melhor que sabemos para criar ambientes memoráveis.

Logo que recebi o convite e porque considero o Hotel Palácio um dos espaços públicos mais “chic vintage” que temos no Estoril, apeteceu-me homenagear o Hotel e o seu original e genial decorador Lucien Donnat (1920-2013), criando um ambiente anos 60. Esta minha “Mesa em Palm Beach” poderia também ser a imagem de um jardim na Linha do Estoril nessa gloriosa época. Na verdade quis recrear um ambiente Resort e Colonial, com cores garridas e alegres (que eu não gosto nada… uma chatice portanto) e detalhes costeiros. Inspirei-me não só no Hotel Palácio e na sua arquitetura retro, mas principalmente nos tempos em que vivi na Florida, nas recorrentes viagens que tenho feito durante os ultimos anos a Miami e Palm Beach. Inspirei-me na coolness das Bahamas e na alegria e descontração das criações da maravilhosa Lilly Pulitzer de quem sou absolutamente fã.

Tudo misturado com a alegria e o rigor descontraído que gosto de pôr em cada projeto, deu nesta deliciosa explosão de cor. O ambiente perfeito para um jantar de amigas!

Hoje não tenho tempo para um post muito mais extenso, mas não quis deixar de passar por aqui para o, já habitual, Sneak Peek! – Prometo voltar para partilhar convosco todos os detalhes da minha mesa e desta festa memorável. Tenho dezenas de imagens lindas que a minha amiga Teresa Aires captou do pré-party, não só da mesa, como da “anfitriã” enquanto esperava pelas suas 9 amigas. Amigas que foram chegando à vez, cada uma mais gira que a outra. Tenho fotos maravilhosas de todo o serão e vou escolher algumas para publicar. Tenho a certeza que vão perceber porque me senti tão bem acompanhada. Foi um dia muito feliz!

beijinhos

Happy Birthday Máxima!!

Outubro 3, 2013 in IN THE PRESS, MY WORLD OF INTERIORS

A revista Máxima faz 25 anos!!!

Quem ainda se lembra da primeira edição??

…Eu não estava em Portugal nessa altura. Estávamos no ano de 1988 e eu tinha-me mudado de armas e bagagens para a Florida onde vivi durante um ano.
Até àquele ano, as minhas revistas de moda resumiam-se à Elle francesa que a minha mãe sempre fez questão de assinar, (acho que muito impulsionada pela minha irmã, que sempre foi apaixonada por moda) e à Hola! Moda, que era uma inspiração semestral, sempre cheia de kits giros que tentávamos reproduzir com uma ida ao Souza no Chiado ou aos Bispos na Parede e com as mãos de fada de umas das costureiras que nos foram vendo crescer. Falo de uma era anterior à existencia da Zara meninas! : )  Isto é, praticamente, uma conversa jurássica…
Nesse Setembro, foi com a maior alegria que recebi a noticia, por carta, que a minha irmã fez questão de me dar em primeira mão, que tinham nascido duas revistas de moda em Portugal. Era o fim do longo deserto que atravessámos na nossa juventude… Por isso, por ter sido pioneira num país adormecido e meio cinzento, por ainda cá estar ao fim destes anos todos e por nos continuar a inspirar… Muitos parabéns Máxima!

Entretanto, claro que fiquei mais que feliz com o convite que a revista me fez, a mim e mais 3 ateliers de decoração, para criarmos, o que seria, o cenário ideal para a Máxima celebrar esta idade especial!

UMA MESA DE FESTA!

Para perceberem um pouco mais do conceito por trás desta mesa de festa, deixo-vos as perguntas que a jornalista Diana Bastos me fez para poder elaborar o texto que acompanhou as fotos.

Qual é o conceito por detrás da mesa apresentada?

Uma mesa de festa. Feminina, chique e divertida…. como eu imagino a mulher Máxima.
A prova que não são precisos muitos artefactos para se organizar uma pequena festa. Com um bolo que assuma os traços de personagem principal, peças de prata, flores frescas, velas e champanhe até podemos usar pratos e guardanapos de papel (tipo cocktail), porque na verdade uma festa é sempre mais divertida se pensarmos que no fim não temos loiça para lavar.

Como definiriam o vosso estilo? (aquilo que distingue o vosso trabalho dos demais)

Gosto de trazer felicidade para as casas e os espaços que decoro. Isso passa por um bom aproveitamento e organização do espaço, por usar a cor de uma forma criativa, misturar formas e texturas de uma maneira original. Um projeto de decoração tem que ser um processo divertido. Sério, claro, mas fun. De outra forma não tem graça nenhuma….

Independentemente do estilo, quais são as principais regras que temos de observar quando montamos uma mesa de festa?

Sou adepta de pouco planeamento e de fazermos aquilo que sentimos no momento. Se o bolo de aniversário for o grande protagonista, tudo o resto vem por acréscimo. Gosto das minhas mesas coloridas e divertidas. Festa é festa! E um aniversário é dos motivos mais bonitos que temos para festejar!

O que é que nunca pode faltar (além dos essenciais)?

Flores frescas e algumas peças decorativas especiais. Um castiçal de prata ou um búzio de coleção. Gosto sempre de tornar as minhas mesas o mais pessoais possível. Até uma moldura com uma bonita fotografia do aniversariante pode dar um ar diferente e divertido à nossa mesa de festa!

E os erros mais comuns a evitar?

Colocar garrafas de refrigerante misturadas com pacotes de sumo em cima de uma mesa, mata qualquer decor. Outra coisa que me agonia é ver um cinzeiro usado e esquecido numa mesa de festa. Toda a decoração pode e deve ser simples mas durante a festa devemos ter o cuidado de ir fazendo alguma manutenção que evite que o ambiente se deteriore e que a decoração se estrague por completo.

Numa epoca de crise como a que vivemos existem soluções criativas para darmos a volta ao orçamento?

Com ou sem crise, acho que se deve simplificar sempre. Não vale a pena fazer 10 bolos e 15 sobremesas quando na verdade se tivermos um bonito bolo e uma otima sobremesa os convidados ficam igualmente contentes. Em vez de champanhe, existe sempre a possibilidade de brindarmos com lambrusco rosé que, pessoalmente, até prefiro. Parece-me que basta pôr a nossa imaginação a funcionar e não acho nada que tenha que ser necessariamente muito caro receber em casa um grupo de amigos.

Agradecimentos Super Especiais a Festa do Bolo (aqui) que executou na perfeição o bolo e os cupcakes que eu ideializei para esta festa e à Topázio (aqui) que, com as suas requintadas peças de prata, tornou esta minha mesa muito mais elegante!

Espero que tenham gostado e que se tenham inspirado para festas futuras nas vossas vidas! Quem tiver ficado com curiosidade para ver as outras 3 propostas (da Casa do Passadiço, do atelier Sá Aranha & Vasconcelos e dos Oito em Ponto) … não deixe de comprar a Máxima deste mês, até porque será sempre um numero a guardar!

Um beijinho,

Maria

In English

Portuguese Máxima magazine  just turned 25!! – Who still remembers the first edition?

I was not in Portugal at that time. It was the year of  1988 and I had just moved  to Florida where I lived for a year.
Until that time, my fashion magazines were the French Elle that my mother always made sure to subscribe (I think very driven by my sister, who has always been passionate about fashion) and Hola fashion, that was an inspiration every 6 months, always full of beautiful outfits that we tried to mimic with a trip to Souza in Chiado or Bispos in Parede  and the fairy hands of one of the seamstresses that watched us grow. I speak of an era before the existence of Zara girls! 🙂 This is practically a Jurassic talk …
In September, it was with great joy that I received the news in a letter, that my sister made sure to give me first hand, that two fashion magazines were born in Portugal. It was the end of the long desert we crossed in our youth … So, for still being here after all these years and for still being and inspiration  … Congratulations Máxima!

That been said, of course I was super happy with this invitation made by Máxima to come up with a birthday setting to help them celebrate this great 25 years in style!

 

To help you understand a bit more about the concept behind this party table , I leave you with the questions that the journalist Diana made me to be able to prepare the text that accompanied the pictures .

 

What is the concept behind the table presented ?

A party table . Feminine , chic and fun …. as I imagine the Máxima woman.
The proof that you don’t need many artifacts to put together a small party . With a cake as leading caracter , silver pieces , fresh flowers , candles and champagne we can actually get away with paper plates and napkins, because in fact a party is always more fun if we think that in the end we won’t have dishes to wash .

How would you define your style? ( what distinguishes your work from others )

I love to bring happiness to the homes and spaces that I design . That goes for a good use and space organization, using color in a creative way , mixing shapes and textures in a unique way . A decorating project has to be a fun process . Serious, of course, but witty.  Otherwise it’s no fun ….

Regardless of the style , what are the main rules that we observe when we set up a party table ?

I prefer not great planning and do what we feel at the moment. If the birthday cake is the great protagonist , everything else comes by accretion . I like my tables colorful and fun . Party is party! And a birthday is the one of the nicest reasons we have to celebrate !

What do you think is mandatory?

Fresh flowers and some special decorative pieces. A silver candlestick or a beautifull shell. I always like to make my tables as personal as possible. A nice frame with a beautiful picture of the birthday boy or girl can make a difference and make our party table unique.

And the most common mistakes to avoid?

Plastic soda bottles and paper juice packaging will kill any decor .A dirty ashtray can be an agony  in a party table . All decoration can and should be simple but during the party we must be careful to keep doing some maintenance that can prevent the environment from deteriorating and the complete damage of the decor .

In a time of crisis like the one we live there are creative solutions to keeping in the budget?

With or without a crisis , I think one should always simplify . its never worth making 10 cakes and 15 desserts when in fact if we have one beautiful cake and one great dessert our guests will be happy anyways . Instead of champagne , there is always the possibility of toasting with lambrusco, which I personally prefer . I think we have to put our imagination to work, but don’t think that it has to be necessarily very expensive to receive at home a group of friends .

 

 

Special thanks to Festa do Bolo (here) that performed flawlessly both the cake and the cupcakes that I idealized for this party and Topazio (here) that, with their exquisite pieces of silver, made this table just that bit more elegant!

I hope you liked my party table and that it has inspired you for future parties! The ones of you who are curious to see the other three proposals (da Casa do Passadiço, do atelier Sá Aranha & Vasconcelos e dos Oito em Ponto) … be sure to buy this issue of Máxima, because it will always be an issue to keep!

XOXO,

MARIA

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: