Me at Breakfast@Tiffany’s blog

Outubro 24, 2013 in GLOBETROTTER, LET'S EAT!, ME IN BLOGS AROUND THE WORLD

Nem sei por onde começar depois de mais de duas semanas sem blogar um caracol! Raspas… nada!! – Começou pelas crianças que ficaram doentes, eu a aguentar-me ao vírus à custa de Nimedes e algumas mesinhas caseiras, uma infiltração do outro mundo em casa e uma inundação no atelier. Trabalho em atraso, vários projetos novos e tudo junto… alerta laranja aqui para os meus lados! – Something’s got to give… e o blog foi o elo mais fraco… Desculpem-me as leitoras assíduas e não tão assíduas…. ! – Sabem que podem sempre ir espreitando no Instagram (aqui) onde faço questão de ir postando Insta-Moments diariamente, mas a verdade é que só conseguimos fazer o que conseguimos fazer. Por isso, hoje cá estou para voltar (espero) aos meus posts semanais e à vossa companhia.

Há pouco mais de um ano, conheci a Carmen Rodrigues que assina o blog, Breakfast@Tiffany. Já fui entrevistada por ela (aqui), numa conversa que correu solta e cheia de pormenores engraçados e desta vez, “tomei conta” do blog da Carmen, numa rúbrica que ela chama “Hoje o blog é meu”.

Quando me fez o convite para “tomar conta do seu blog” eu estava de partida para uma curta viajem a Paris e propus-lhe logo escrever sobre qualquer coisa que se passa-se nesse dia. A Carmen gostou da ideia e agora, passados quase dois meses, podem finalmente ler um pequeno texto com cheiro a verão, o que não é nada mau, especialmente num dia como hoje, em o céu decidiu carpir todas as suas magoas para cima de nós… credo!!!

Já estão todas fartas de saber que Paris é uma cidade que me encanta por isso limitei-me a escrever sobre um dos restaurantes que adoro e que vejo sempre como o verdadeiro postal animado de uma Paris chic e sofisticada.

Nesse dia, como todas as vezes que vou a Paris, por todos os motivos e mais alguns, não perco uma oportunidade de almoçar no restaurante do Hotel Costes. Na esplanada de preferência, claro! É dos lugares mais charmosos que possam imaginar…

Mas não vos vou falar nesse almoço porque já o fiz no blog da Carmen (aqui)… queria só deixar-vos uma leve descrição deste hotel que abriu as suas portas ao publico no inicio dos anos noventa, numa altura de excessos decorativos e exageros de todos os géneros. Nessa altura eu não tinha ainda dado os primeiros passos nesta profissão, mas a verdade é que quando caí neste universo, em meados da década de 90, não havia cortinado que tivesse folhos a mais, ou franjas a mais… todas as extravagancias  decorativas eram permitidas e consentidas e nessa perspetiva, o Costes, apesar de tentar recrear um ambiente quase Vitoriano de finais do século XVIII, é uma pérola em termos de decoração, porque tem permanecido igual e irrepreensivelmente bem ao fim destes mais de 20 anos de existência. Por trás desta obra, está o génio decorativo de Jacque Garcia. Um nome indiscutível no plano mundial da arte da decoração de interiores.

Nunca lá fiquei a dormir porque o preço por noite me parece sempre ligeiramente extravagante para uma estadia de trabalho e porque imagino que a movida que o restaurante e o bar trazem para o hotel não sejam exatamente o principio para uma noite de sono repousante. Talvez esteja enganada… na verdade, pelas fotos, os quartos parecem para lá de confortáveis e acolhedores. Maybe one day…

Para já, se quiserem saber um pouco mais sobre este hotel que se desmultiplica em restaurante, esplanada, bar, florista e uma maravilhosa fonte de CDs chill out, vejam o site (aqui).  Tem lá toda a informação necessária, incluído preços dos quartos e link para reservas.

Hôtel Costes

239-241 RUE SAINT-HONORÉ – 75001 PARIS

 PHONE  +33 1 42 44 50 00

EMAIL  contact@hotelcostes.com

As reservas para almoço e jantar são feitas exclusivamente por telefone.

Espero que tenham gostado desta sugestão e para aquelas que ainda não conheciam, espero que tenham gostado do blog da Carmen. Eu, por mim, vou ficar a sonhar com um Triffle Fruit Rouge de Sir Jack e uma tarde de Agosto em Paris….

UM BEIJINHO,

MARIA

In English

I don’t know where to begin, after two weeks without blogging anything! Nothing! It started with my children getting ill, me resisting the virus thanks to Nimeds and some homemade medicines, a huge infiltration at home and a flood at the atelier! Added to this, I had some work that was late, a lot of new projects coming and all this combined, resulted in a red alert for me!! Something’s got to give… and the blog was the weakest link! I apologize to my all my readers! You know that you can always take a look at my Instagram (here) where I make sure I post my daily Insta-Moments. Truth is, you can only make what you can make… and so, today, I’m back to my regular weekly posts (I hope) and also your company!

Just over a year ago, I met Carmen Rodrigues, who has a blog called Breakfast@Tiffany. She interviewed me  (here), in a conversation that ran loose and full of funny details. This time, I “took care” of Carmen’s blog, on a thing she likes to call “Today, the blog is mine”.

When she asked me to “take care of her blog”, I was leaving for a short trip to Paris and I immediately proposed writing about anything that would happen during that day. Carmen loved the idea and now, after two months, you can finally read a short text, with a summer vibe, which is not a bad idea, especially in a day like today, when the sky decided to mourn all its sorrows upon us… oh God!!!

You all know that Paris is one of the cities that fascinates me the most, so I decided to just write about one restaurant that I absolutely love and consider a true live postcard for a chic and sophisticated Paris!

That day, like every time I go to Paris, for every possible reason, I never loose a chance to have lunch at the restaurant of Hotel Costes. On the terrace, preferably, of course! It’s one of the most charming places you can ever imagine…

But I won’t talk about that lunch, cause I already did it at Carmen’s blog (here) … I just want to leave you with a short description of this hotel, that opened its doors in the beginning of the 90’s, in a time of decorative excesses and exaggerations of all kinds! At the time, I hadn’t even taken the first steps in this profession, but the truth is that when I began, in the middle of the 90’s, there wasn’t a curtain that didn’t have too many ruffles or too many fringes… all decorative extravagances were allowed and, on that perspective, the Costes, in spite of trying to recreate a late XVIII Victorian vibe, is a pearl in terms of decoration, mainly because it has stayed exactly the same, and impeccably well over its 20 years of existence. Behind this work, is the genius decorative Jacque Garcia. An undisputed name in the global art of interior design.

I never spent a night there, since the price per night always seemed a bit extravagant for a work stay and also because I imagine that the vibe of the restaurant and the bar isn’t really the start of a restful night’s sleep. Maybe I’m wrong… judging by the photos, the rooms seem extremely cozy and confortable! Maybe one day…

For now, if you’re interested in getting to know a little bit more of this hotel, that has a restaurant, a terrace, a bar, a flower shop, and an amazing collection of chill-out CDs, please check its website (here).  It has all the information you need, including prices and reservation links.

Hôtel Costes

239-241 RUE SAINT-HONORÉ – 75001 PARIS

 PHONE  +33 1 42 44 50 00

EMAIL  contact@hotelcostes.com

Reservations for lunch and dinner are only made by phone.

I hope you enjoyed this suggestion and for those who didn’t know it yet, hope you liked Carmen’s blog. As for me, I’ll be dreaming of a Triffle Fruit Rouge of Sir Jack and an August day in Paris!

Kiss,

Maria