O Bolo de aniversário do Salvador

Outubro 13, 2017 in LET'S EAT!

Bolo anos Salvador

Como a experiencia com o Bolo dos Anos da Bu acabou por não ser a total tortura e na verdade não sobrou uma migalha, ontem já foi com alguma segurança que me abalancei a fazer o bolo para os 16 anos do Salvador.

Como organizei, cá em casa, um almoço Vegan para toda a familia, achei que o Bolo tinha de ser também Vegan, como é evidente. Até porque já tinha experimentado a receita e sabia que ficava ótimo. Assim, também aproveitei para aquietar os ânimos das avós, que acham que os netos andam a sofrer com este nosso novo regime vegetariano. Pessoal, podem relaxar… os meninos não passam fome! E , às vezes, até gostam! ; )

Esta receita de Bolo de Alfarroba e Chocolate da Gabriela Oliveira é ótima, fácil e… vegan! Sem leite, sem ovos… é verdade. E, vai-se lá saber como… até fica mesmo bom!

 

Para a massa de um bolo

(neste caso, fiz dois)

1 chávena de farinha de trigo integral

1 chávena de farinha de espelta

1 chávena de açúcar amarelo ou açúcar de coco

3 c. sopa farinha de alfarroba

3 c. sopa chocolate em pó

1 c. café gengibre em pó

1 c. sopa linha moída

1 c. sopa fermento em pó

1 c. café bicarbonato de sódio

(Juntar todos os ingredientes sem ordem especifica numa taça)

1 chávena de leite de aveia

1/2 chávena de oleo vegetal

1 c. café extrato de baunilha

(Juntar os líquidos numa taça, misturar, verter tudo de uma vez para a taça onde tinha os secos, bater com uma vara de arames durante 1 minuto e já está pronto para colocar numa forma e levar ao forno pré aquecido  a 180ºC durante 25 minutos aproximadamente)

Deixar arrefecer e montar com uma camada intermédia de natas vegetais batidas com açúcar amarelo a gosto. Coloquei também morangos cortados em bocadinhos.

Por fim, fiz uma calda de chocolate e derramei por cima. Neste caso aqueci natas vegetais com um pouco de açúcar amarelo num lume baixinho durante uns minutos. Tirei do lume e fui juntando quadradinhos de chocolate de culinária. No fim enfeitei com frutos vermelhos.

Nesta receita que vos passo existem algumas alterações em relação à receita original. Mas podem sempre comprar o livro Cozinha Vegetariana da Gabriela Oliveira, que, para mim tem sido, assim, uma espécie de bíblia dos nossos almoços e jantares.

Espero que experimentem mas, principalmente, espero que gostem e partilhem!

beijinhos

 

My Lovely Birthday Brunch at the Ritz

Julho 4, 2017 in LET'S EAT!, MY HAPPY SELF

Brunch at the Ritz

Este ano, comecei o meu dia de anos da forma mais divertida e inspiradora que possam imaginar… e as fotos que resultaram desta minha festa ficaram tão queridas que seria um desperdício não as partilhar aqui com vocês!

Ao contrário dos últimos anos, estávamos em Portugal, o Rui tinha planeado um fim de semana na Comporta por isso achei que havia esta janela de oportunidade para poder estar com as minhas amigas e juntar-mo-nos para um pequeno almoço no Sábado de manhã, antes de irmos para a Costa Alentejana.

A minha ideia de “pequeno almoço de amigas” rapidamente evoluiu para um Brunch. Por isso acabei por escolher faze-lo no lugar onde sabia que seria MESMO memorável… No Ritz Four Seasons em Lisboa.

Brunch at the Ritz
Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

A sala do restaurante Varanda, onde acontece este Brunch todos os fins-de-semana (entre as 12:30 e as 16:30), tem uma mesa redonda que senta 12 pessoas, neste caso 13, que foi o numero exato de amigas que reuni para este evento… Claro que tive muita pena por aquelas que não estavam cá ou que por qualquer outro motivo não puderam ir, mas acabei por ter o numero ideal para nos sentarmos numa mesa redonda tão mais simpática, onde acabámos por ficar horas à conversa enquanto nos deliciávamos com as iguarias do Chef francês Pascal Meynard (distinguido com estrelas Michelin) e do pasteleiro Fabian Nguyen. Honestamente, é tudo tão delicioso e bem apresentado que nos sentimos num cenário de um filme…

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Para uma pessoa como eu que sou uma”control freak” disfarçada de cool, marcar este brunch no Ritz foi a melhor decisão. Eu sabia que ia estar tudo lindo, tudo delicioso… irrepreensível, sem eu ter de me preocupar excessivamente com nada. O meu único pedido foi para que o arranjo de flores fosse personalizado com um degradé de Peonías feito pelo Martins Alves que, para além de ser um querido amigo é o responsável pelos maravilhosos e imponentes arranjos florais do Ritz há muitos anos. E um bolo de anos feito por encomenda pela A Festa do Bolo, porque na nossa família, os bolos das ocasiões especiais serem feitos pela Silva já virou tradição. São lindos por fora e deliciosos por dentro. Mesmo! De resto, só tive de Acenar e Sorrir! As minhas maravilhosas amigas fizeram o resto. Foram elas que encheram o meu dia de emoção, alegria, gargalhadas e amor. Tanto amor e gratidão que eu senti no meu dia de anos. Não tenho palavras para descrever o que senti… ao ver cada uma a chegar, cumprindo à risca o Dress Code que lhes dei com apenas uma semana de antecedência (chatarrona). Em cada abraço sentido. Nas lágrimas e nas gargalhadas. Nos presentes que me ofereceram, nas fotos… nas memórias que partilhámos naquela enorme mesa redonda onde fomos ficando até literalmente ser praticamente hora de lanchar…

_DSC6173

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Claro que este precioso registo fotográfico só foi possível porque esteve ao nosso lado, todos os minutos, a minha querida amiga Teresa Aires (The Light Place), a quem agradeço do fundo do coração esta recordação maravilhosa que fez questão de me oferecer como presente de aniversário. Sem palavras querida e talentosa amiga!

 Birthday Brunch at the Ritz

Ficam muitas fotografias por publicar… imagens e memorias que me vão acompanhar pela vida fora! Nunca me vou esquecer deste dia e do amor que senti. Um dia, à mais de um ano, quando estava no Ritz e reparei naquela grande mesa redonda acho que a imaginei cheia de mulheres à volta e muitas gargalhadas. No dia 1 de Julho esse sonho aconteceu e por isso, pelo que senti e partilhei, agradeço a Deus! Só isso…

beijinhos

Sweet Christmas

Dezembro 17, 2016 in LET'S EAT!

Joana Reymão Nogueira

Lembrei-me de organizar um lanche especial para comemorarmos o ultimo dia de aulas e o inicio das, já bastante aguardadas, férias de Natal. Como tive uma semana um bocado mais preenchida do que o habitual, lembrei-me de encomendar umas mini tartes para alegrar a mesa não só porque são lindas mas principalmente porque são as minhas preferias. A de lima então é uma perdição… Liguei à Joana e ela resolveu-me o assunto! Ficou tudo perfeito, não me deu trabalho nenhum e entregaram em casa, como sempre!

Joana Reymão Nogueira

Joana Reymão Nogueira

Joana Reymão Nogueira

Entretanto a Joana falou-me numa acção especial que a JRN Doçarias está a fazer agora na época das festas e eu achei tão boa ideia que lhe pedi logo para me enviar toda a informação de forma a poder partilha-la com vocês!

Para quem gosta da doçaria típica desta época mas não sabe ou não tem disponibilidade nem tempo para a fazer, vou deixar-vos esta dica que me pareceu preciosa!

Não percam tempo e façam já as vossas encomendas que serão entregues com tempo no aconchego das vossas casas! Pedidos por email para:  jrn@jrn-docarias.com

kit-especial-jrn

kit-mini-jrn

kit-s-jrn

Para ficarem a conhecer todos os bolos e sobremesas que a Joana faz, espreitem o site da JRN Doçarias! [AQUI]

Espero que esta informação vos seja util! Amanhã vou fazer um post com fotos de mais uma mesa com Espirito de Natal… Até lá,

beijinhos

Maria Jardineira e Cozinheira

Junho 3, 2016 in LET'S EAT!, MY HAPPY SELF

DSC_6138

Ainda sobre o meu Alpendre e os meus novos hábitos de cozinha… não podia deixar de partilhar convosco este muito recente elemento na minha vida… um canteiro de ervas aromáticas. Na verdade são dois canteiros que coloquei ao lado do espelho do alpendre de forma simétrica, não fosse eu ter esta ligeira obsessão por concordâncias … em que posso colocar 12 espécies de ervas aromáticas, sendo que na verdade, e dada a minha ainda pouca experiência nas lides da culinária, acabei por repetir as ervas que mais utilizo que são Hortelã (não só para Mojitos, mas também ), Manjericão (a minha erva aromática preferida de longe), Salsa e Coentros (Não fosse esta uma casa Portuguesa, com certeza). Depois ainda me sobrou espaço para Cebolinho, Oregãos e Alecrim. Ando feliz e achar-me a melhor dona de casa do mundo… De um momento para o outro e ao fim de muitos anos sem praticamente cozinhar, passo não só a faze-lo como tenho um jardim de Ervas Aromáticas à altura das minhas mais rebuscadas ambições Gourmets! Que maravilha!

Ervas Aromáticas

Ervas Aromaticas

Não se enganem… as etiquetas autocolantes não são só para a pinta… eu realmente não sei distinguir Salsa de Coentros. O Rui já me tentou fazer decorar de milhares de formas, pelo cheiro pela forma das folhas, pelo sabor… que raio!! Sou dislexia e esta condição tem destas coisas… Não vou tentar mais! Com etiquetas fica o assunto resolvido. São simples auto-colantes daqueles que usamos para os livros da escola… básico. Cola, descola. Muda a erva muda o nome, tá feito!

Os vasos e suportes foram importados da IKEA… As mais atentas viram-nos no post que fiz há uns dias sobre o meu Alpendre. As que não viram podem sempre ir espreitar [AQUI].

Quem quiser ir direto para o Catalogo da IKEA siga este link [AQUI].

beijinhos

 

P.S. Lembrem-se de uma coisa… Se eu consegui começar a cozinhar aos 44 anos com algum sucesso, qualquer uma de vocês, menos expeditas nas lides da cozinha, o consegue fazer. É mais fácil do que parece e muito mais divertido e recompensador do que vos possa passar pela cabeça!

Confraria @ Riviera Guide

Outubro 8, 2015 in IN THE PRESS, LET'S EAT!, MY DESIGNS

Riviera Guide

O Le Bal de la Riviera (Baile da Riviera) pública, anualmente, uma revista destinada a ser distribuida pelos seus ilustres convidados que vêm dos quatro cantos do mundo, a convite do Principe Charles Philippe de Orleans, para participar num dos eventos com mais glamour e projeção organizados em Portugal.

Este ano a revista, The Riviera Magazine, publicou um guia  – “Diana’s Riviera Guide”, com os lugares de eleição da princesa para que os convidados soubessem onde ir na sua visita à Costa do Estoril.

Entre outras, lá estava uma, muito simpática, referência ao restaurante Confraria, recentemente decorado pelo nosso atelier. Daí a minha partilha… Porque não só é um restaurante “mesmo cool” como serve o melhor Sushi de Cascais e arredores! – Se ainda não conhecem, não percam a oportunidade de uma visita na vossa próxima vinda à nossa vila!

Riviera Guide

Restaurante Confraria

“O sinal de neon na parede diz “Best Sushi in Town” e eu concordo – Uma vez que vir a este restaurante é praticamente como ir ao “Paraíso do Sushi”. Situado em Cascais, ao lado da Igreja Matriz, este pequeno restaurante, recentemente re-decorado por Maria Barros, é um lugar alegre, relaxado, confortável e muito acolhedor. Não é propriamente fácil reservar uma mesa. Para além do sushi tem também uma ótima oferta de saladas e funciona como casa de chá durante a tarde. Na esplanada pode desfrutar da sua refeição à sombra de uma extraordinária Buganvília.”

Diana do Cadaval

beijinhos

Exclusive Bombay Gin Club Lisboa

Junho 22, 2015 in LET'S EAT!

 

Bombay Gin Club

O excusivíssimo Bombay Gin Club Lisboa abriu as suas portas no passado dia 18, no Palácio da Trindade no coração do Chiado. Estava uma noite se sonho, daquelas poucas noites quentes que o nosso verão nos oferece, o lugar é quase de contos de fadas e o cocktail que pedi era dos deuses. Adorei! – Se não gostam de gin não vale a pena a viajem. Só servem Bombay…. o gin da garrafa azul!

Apesar de não ser uma aprecisadora muito exclarecida, sei do que gosto por isso tenho a dizer-vos que o novo Gin Super Premium Star of Bombay (apresentado agora pela primeira vez em Portugal) vai, com certeza, encantar os  “intelectuais da destilaria” e os “snobs do gin” (grupo no qual não me incluo apesar de conhecer alguns membros da espécie). Percebe-se que é uma bebida com um toque mais suave e requintado que o Bombay corrente. Pelo que percebi tudo se deve a um elaborado e bastante mais pausado método de destilação que leva a um Gin mais sofisticado.

Bom, posso não perceber grande coisa de Gin mas de decoração sempre me dão algum crédito por isso quero contar-vos o que mais me impressionou neste club… o espaço que o acolhe!

O Palácio da Trindade que nos habituamos a ver por fora mas que é uma habitação privada, está a servir de casa para este club exclusivo e só pela beleza dos seus interiores vale a pena a visita! Sem duvida, uma pérola… com frescos impecavelmente cuidados, pendentes palacianos e lustres de cristal…

A parte menos boa… o club é efêmero, por isso fechará as suas portas no proximo dia 27! – Ou seja, e agora usando uma expressão muito na moda, quem quiser ter a experiência Exclusive Bombay Gin Club em Lisboa, vai mesmo ter de “dar corda aos sapatos”!! – Faltam 5 dias para acabar! 😉

Bombay Gin Club 5

Bombay Gin Club 4

Bombay Gin Club 9

Bombay Gin Club 12

Bombay Gin Club 8

Bombay Gin Club Lisboa

Palácio da Trindade, Rua Nova da Trindade, 16 – Lisboa

beijinhos

Bombay Gin Club Lisbon

 

Confraria – The Best Sushi in Town!

Junho 18, 2015 in LET'S EAT!, MY DESIGNS, MY WORLD OF INTERIORS

Maria Barros Confraria Cascais

Deixem então que vos apresente a renovada Confraria Cascais by Maria Barros Home! Este projeto deu-me um gozo especial fazer, confesso, porque sou cliente deste restaurante há muitos anos e foi com a Confraria que aprendi a gostar de sushi. Um dia, numa entrevista, perguntaram-me se pudesse escolher a minha “ultima ceia” o que seria, e, sem pensar muito, ocorreram-me 3 coisas… uma bola de Berlim do Guincho, um gelado Santini e… um Hot Filadelfia da Confraria. Muito provavelmente acompanhado de um mojito…

Na Confraria come-se realmente muito bem, mas a sua mística vai, e sempre foi, bastante para além disso! – O edifício onde está inserida , aquela esplanada com vista para o largo da Igreja matriz de Cascais, o sino que toca, a buganvília em flor, os amigos que se encontram, o ar descontraído que sempre teve e que encantou, primeiro os Cascalenses mas que rapidamente chegou aos quatro cantos do mundo… Hoje, passados 7 anos da sua abertura, a Confraria é um incontornável ponto turístico desta vila costeira.

Quando me chamaram para esta intervenção, não houve margem para dúvidas que a operação seria sempre delicada. A renovada Confraria não poderia desiludir a sua fiel legião de fãs pelo que o ADN teria de ser respeitado, mantido, mimado… nunca mudado, apenas melhorado. O lay-out não poderia ser alterado e, “melhor”, tínhamos entre 3 a 5 dias para executar o projeto. Ou seja, piece of cake, certo!?

Por ser cliente da Confraria há muitos anos, não tive qualquer receio. Sabia que entendia a dinâmica deste lugar e tive muito poucas duvidas quando me sentei para projetar a remodelação. De qualquer forma o primeiro projeto que apresentei está longe deste segundo e final. A minha primeira abordagem foi, como quase sempre nos meus projetos, de trazer o máximo luz possível para o espaço por isso apresentei muitas superfícies claras que foram chumbadas pelos proprietários.

A segunda apresentação é praticamente uma copia fiel do resultado final. Escurecemos as riscas do teto, os canapés passaram de brancos a laranja, todas as madeiras que eram brancas passaram para um tom carregado de cinza e uma das paredes recebeu uma grade recortada e lacada a preto que deu ao espaço um ar mais dramático.

Houve só dois ou três elementos de que não “abri mão” durante o rápido processo de alteração do projeto e o néon “Best Sushi in Town” foi um deles… Hoje tenho a certeza que fiz bem! Define o espaço. E ainda por cima, não estamos a inventar nada, só mesmo a constatar a realidade. Não há sushi melhor num raio de 500 Kms! Acredita quem aceitar a minha modesta opinião…

De qualquer forma hoje tenho a certeza que a segunda versão resultou melhor do que teria resultado a primeira. Os proprietários e as suas opiniões foram uma chave importante neste processo e não há dúvida que esta é a melhor forma de trabalhar. Quando todas as partes se envolvem e acrescentam algo de positivo!

Este projeto foi feito em Março de 2014 mas tivemos de esperar mais de um ano para o ver tomar forma e luz. Parecia que nunca chegava a hora da Confraria poder fechar as suas portas durante 5 dias, e quando finalmente os proprietários decidiram que não podiam deixar passar mais um dia, não imaginam as queixas que tiveram dos seus fieis clientes, que passavam à porta da obra para tomar justificações e saber novidades. “Quando volta a abrir?” “Obras?? Vejam lá o que fazem à Confraria!” – Um sentido geral de posse até ligeiramente estranho se pararmos para pensar mas que é a prova irrevogável que, quem vem à Confraria se sente, mesmo, como se estivesse em casa!

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

Confraria by Maria Barros

 

Se quiserem almoçar ou jantar na Confraria Cascais não deixam de reservar!

t.+ 351 21 483 4614

[Confraria no Facebook]

beijinhos

 

Confraria LX – Na revista Flash!

Junho 5, 2015 in IN THE PRESS, LET'S EAT!, MY DESIGNS

Confraria LX Maria Barros Interior Design

A Confraria LX é a irmã mais nova da “nossa” Confraria aqui de Cascais. Por isso acaba por ter aquele ar da miúda Cascaense que se arranjou para ir à Cidade! Com uma ligeira capa de sofisticação, por dentro é tudo a mesma coisa… O melhor sushi que já vos passou pela cabeça – M E S M O – (para não falar nas morangoscas nem nos Mojitos…) servido pelas empregadas de mesa mais simpáticas (e giras) que há por ai, num ambiente com o DNA da cidade mas, no fundo, com  a mesma descontração e boa onda da Confraria original. Parece mais convencida que a irmã, mas se formos a ver bem… é tudo farinha do mesmo saco! 😉

Como algumas de vocês já sabem, esta remodelação foi realizada em Fevereiro e fui eu a responsável por este “lavar de cara” que no fundo acabou por trazer ao espaço um sentido de integração com o hotel de charme do qual faz parte – LX Hotel – situado no coração de Lisboa mesmo ao pé do Cais do Sodré!

A Confraria LX é o lugar perfeito para jantar antes de uma saida à noite pela Rua Rosa e hoje em dia beneficia bastante de estar a 3 minutos (a pé) do parque de estacionamento do Mercado da Ribeira.

Não vão sem marcar mesa! – E já agora, depois de lá passarem contem-me se gostaram!

t. 21 342 62 92

beijinhos

 

 

Comptoire Darna – Marrakech

Maio 4, 2015 in GLOBETROTTER, LET'S EAT!

Comptoire Darna

Na semana passada, fui com uma grande amiga, passar um fim-de-semana a Marrakech e tivemos o prazer de conhecer mais um restaurante daqueles que trazemos no coração e sabemos que um dia vamos voltar.  Se uma viajem a Marrakech estiver, mais ou menos no vosso radar, apontem… um lugar que não pode falhar na vossa próxima visita: chama-se Comptoire Darna e personifica tudo aquilo que Marrakech tem de bom para oferecer aos seus turistas acidentais, ávidos de ter uma experiência que se aproxime vagamente da imagem que temos das Mil e Uma Noites.

E olhem que eu sou aquela pessoa que fujo de lugares turísticos e muito óbvios e claro, confesso que fiz uma pequena resistência interior a ir jantar a um restaurante carregado de dançarinas do ventre… mas a resistência acabou mal passei a primeira cortina. Senti-me, automaticamente, a entrar numa realidade paralela… num cenário de noites mágicas. Uma vez lá dentro percebemos que estamos no lugar certo…. uma decoração irrepreensível iluminada a luz de velas encarnadas e muitos ramos de rosas em bouquet a fazer lembrar o restaurante do Hotel Costes em Paris (não fosse o dono um francês cheio de pinta). Cheiro de especiarias e perfume de laranjeira, cocktails, uma cozinha fabulosa e uma animação que não acaba mais. A música talvez seja o elemento mais marcante deste espaço em que um DJ residente nos brinda com versões que conhecemos de toda a vida intercaladas por aqueles sons de Marrakech meios hipnotizantes. Passei a refeição a dançar sentada se é que isso é possível…

A partir de uma certa hora o restaurante vira, literalmente, um bar do mais animado que vos pode passar pela cabeça… onde rodam garrafas de champanhe, shishas e bomba um grande som.

Como éramos duas “senhoras desacompanhadas”, às 2 da manha, ainda a “procissão ia no adro”, achámos que seria mais prudente recolher ao Riad porque, começámos a perceber que a fauna tinha mudado “ligeiramente”… de repente deixámos de ver pares de casais apaixonados e famílias bem postas  para ver bandos de Sandokans de olhos brilhantes e muitas mulheres com ar extremamente duvidoso que acabámos por confirmar que eram exatamente aquilo que pareciam ser.

Sabem aquele momento “Cinderela”?!… em que há qualquer coisa que nos diz que se ficármos, um bocado que seja, mais o barco pode virar?! – Assim aconteceu… não ficámos para ver naufrágios e saímos com a certeza que numa próxima visita à Cidade Ocre esta será uma paragem obrigatória.

C.SalleRDC-0084

COMPTOIR-DARNA_11

C.SalleRDC 0064

C.SalleEtage-0123

C.SalleEtage-0079

COMPTOIRE DARNA

Avenue Echouhada, Marrakech, Marrocos
+212 5244-37702

Quando ligarem para marcar têm várias opções de escolha. Podem escolher o restaurante, a varanda ou o bar no piso superior. Se querem mesmo muita animação, escolham o bar. Foi onde nós ficámos e adorámos. O único problema é mesmo que a partir de uma certa hora não se consegue conversar porque a música fica mesmo muito alta. Ideal para aqueles casalinhos sem tema de conversa… 😉

beijinhos

Frittata de Batata Doce & Espinafres

Abril 9, 2015 in LET'S EAT!

Frittata de Espinafres

Para as minhas leitoras que ficaram tristes porque já não encontraram a revista Deluxe à venda, aqui fica a receita da minha Frittata, que por sinal de “minha” tem muito pouco… quem a costuma fazer cá em casa é o Rui e a receita foi tirada de um livro do nosso “amigo”, o chefe Jamie Oliver.

Para acompanhar a Frittata fiz uma salada verde com peras e queijo azul. Como não encontrei figos frescos naquele dia, substitui os figos frescos por morangos. De qualquer forma ainda misturei para lá alguns figos secos cortados em 4 e nozes de pecan.

Para temperar fiz um molho com azeite, vinagre balsâmico, sal, pimenta, mostarda e mel.

Mail Attachment

Mail Attachment

Mail Attachment

Mail Attachment

Espero que gostem!

beijinhos

P.S. – Só por curiosidade, no supermercado LIDL, aqui de Cascais, a revista ainda está à venda.

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: