My IKEA Wish List

Maio 27, 2016 in DESIGN INSPIRATION

IKEA

Fica sempre qualquer coisa por comprar, não é verdade!? Debaixo de olho ficaram ainda algumas peças que potencialmente me podem vir a dar muito jeito… como por exemplo:

  1. Almofada Riscas Indigo – Sommar 2016 – AQUI
  2. Guardanapos de papel com print Ikat azul claro – Sommar 2016 – AQUI
  3. Lanterna suspensa de papel em Tie Dye – Solviden – AQUI
  4. Travessa de servir à mesa – Giltig – AQUI
  5. Limoeiro – Citrus – AQUI
  6. Grelhador a carvão – Klasen – AQUI

Agora era mesmo só preciso o Universo unir-se numa conspiração de simpatia por este povo costeiro que anseia por dias de sol e calor! Ok?! A malta agradece!

beijinhos

As minhas Suculentas

Novembro 2, 2015 in DESIGN INSPIRATION, MY HAPPY SELF

Suculentas

Há muitos anos que me habituei a ver suculentas no jardim da mãe do Rui. Tem montes, por todos os cantos, em vasos de diferentes formas…parecem uma praga. Tem, inclusivamente, uma maternidade de suculentas. E está sempre a dizer-nos para trazermos algumas para nossa casa…

Quando eu era pequena gostava tanto de plantas que achava que ia ser paisagista, engenheira agrónoma… qualquer coisa assim. Achava que ia ter uma quinta com a horta mais produtiva e o jardim mais bonito do mundo. Mas todas as tentativas que fiz de ter um jardim… qualquer pequeno canteiro que fosse, foram-me retirando qualquer entusiasmo paisagístico. As plantas morriam com facilidade e eu fui-me convencendo que não tinha nascido para aquilo. Enfim…

Por isso, como devem imaginar, não houve nunca grande entusiasmo da minha parte, durante todos estes anos, para trazer uma suculenta, que fosse, daquele jardim. Pensava logo… “coitadinha da planta… deixa-a lá estar bem onde esta. Sempre vive.” E pronto…

Em casa tenho a sorte de ter um jardineiro a cuidar do jardim comum e tenho um quintal privado que mais parece um campo baldio porque acho sempre que vai ser um desperdício de tempo e dinheiro dedicar-lhe qualquer tipo de atenção. Enfim,  também tenho uma Jack Russel há sete anos… Não ajuda.

Bom, serve esta introdução para vos contar que este verão tive vontade, pela primeira vez ao fim de muitos anos, de fazer EU os meus canteiros aqui do alpendre. Em vez de delegar o serviço a uma empresa de jardinagem, fui eu própria (com a preciosa ajuda do Rui) comprar plantas, terra, lecca… e pusemos mãos à obra. Comprei plantas sem grande conhecimento se se dariam bem juntas no mesmo canteiro. Fiz uma composição que me pareceu equilibrada e fui acompanhando com imenso carinho a sua adaptação à nova casa. Comecei a dar-lhes “bom dia” e a perguntar de estavam bem. Enfim… transformei-me na “vizinha maluca que fala com as plantas”… E não é que elas ainda lá estão?! Percebi que umas delas, com um folha gorda tipo borracha, se desenvolviam quase como uma praga. Lindas, grandes cheias de força. Ah, ok… essas eram Suculentas.

E então fez-se-me luz!  As suculentas são como aqueles bebes que não têm cólicas e dormem a noite toda e as mães dizem que são “uns santos”. Sabem? Esses bebes que só existem nas famílias das outras pessoas?? Pois… assim são as suculentas. Lindas, viçosas, requerem pouca manutenção e crescem que é uma alegria. Pensei como seria fácil adotar umas suculentas e lá fui com o Rui este fim-de-semana à “maternidade de Suculentas da tia Pepa” e foi quase como se estivéssemos a escolher uns animais de estimação cá para casa. Cada planta que trouxemos foi escolhida com atenção e cuidado… Senti-me mãe das minhas suculentas.

Umas são claramente mais bonitas que outras, mas a graça está mesmo, depois, em mistura-las umas com as outras. Segundo a minha sogra… não existe grande ciência para o fazer… As suculentas aguenta-se mesmo bem com o nosso clima. Gostam de sol mas também gostam de sombra. Não precisam de ser muito regadas mas safam-se bem com a chuva do inverno. São umas primas dos cactos com pedigree.

Estou feliz com os meus primeiros dois vasos de suculentas e tenho a certeza que foram os primeiros de muitos. Quero mais suculentas na minha vida!!

Alguém se relaciona com este meu recentíssimo entusiasmo??

beijinhos

Million Dollar Decorators

Outubro 5, 2015 in DESIGN INSPIRATION

MILLION DOLLAR DECORATOR --

 

São decoradores de elite. Trabalham em Los Angeles, Beverly Hills e não iniciam um projeto de decoração por menos de 1 milhão de dólares (poderá ser uma hipérbole  mas que os valores escalam para patamares de loucura, escalam!)  São mais celebres que alguns dos seus clientes. São milionários, mimados, excêntricos, hiper criativos e, surpreendentemente, inseguros. Juntaram-nos num reality show e o resultado é, no mínimo… “totally delicious”! (como diria um dos personagens, o designer Martin Laurence Bullard). Apanhei-me sozinha em casa a um sábado e lambi todos os episódios que estavam disponíveis na box! (Praticamente agradeci ao universo por estar mau tempo e não me apetecer sair de casa…)

Se gostam de decoração, vão adorar. Tenho a certeza!

Procurem no Canal Sic Mulher, divirtam-se e inspirem-se!

beijinhos

The Fasano Legacy

Junho 25, 2014 in DESIGN INSPIRATION, GLOBETROTTER, INSTAGRAM FAVORITE, LET'S EAT!

Fasano

A nossa primeira paragem em São Paulo, praticamente diretos de um longo voo de 10 horas… com uma curtíssima passagem pelo quarto de hotel para largar as malas e tomar um duche, foi o Restaurante Nonno Ruggero no Hotel Fasano onde tínhamos já uma mesa reservada para jantar (não que fosse necessário porque estava praticamente vazio)… chegámos à rápida conclusão que ao domingo à noite os Paulistanos ficam por casa. Será?!

Fasano é o nome de uma familia de origem Italiana que deixou a sua marca neste país, primeiro pela Gastronomia e depois pela Hotelaria. Com um império de restaurantes espalhados pelo Brasil e Argentina e já vários hoteis de luxo, cada vez mais o nome Fasano é conhecido além fronteiras e associado ao que de melhor o Brasil tem para oferecer em termos de hotelaria de charme, sempre muito bem suportada pela melhor gastronomia italiana.

Obviamente existe aqui por parte dos proprietários um fascínio por Nova York, tão evidente na arquitetura e decoração deste Fasano São Paulo que, ao entrar, quase nos sentimos teletransportados para o que teria sido um Hip Hotel na Big Apple nos anos 40,50,70… Com traços muito marcados de uma arquitetura dos anos 30, tem uma decoração que parece que parou nos anos 70. Tem um ar luxuoso e “bafon” ao mesmo tempo. Pelo que percebi, a execução do projeto dos arquitetos Isay Weinfeld e Marcio Kogan demorou 10 anos para ser concluída. Um trabalho minucioso em que todos os acabamentos resultaram impecáveis, começando no pavimento Travertino da entrada até aos painéis de madeiras exóticas belissimamente envernizadas do Lobby. Lá dentro respira-se requinte e sofisticação… mas mais importante, para quem, como nós, apenas foi jantar… come-se como se estivessemos mesmo em casa de uma avó italiana, mas daquelas que sabe mesmo, mesmo o que faz! – O melhor risotto de camarão dos últimos tempos!

Fasano São Paulo

cn_image_1.size.hotel-fasano-s-o-paulo-s-o-paulo-brazil-109668-2

cn_image_3.size.hotel-fasano-s-o-paulo-s-o-paulo-brazil-109668-4

521525c4f1441ce5d9c46e412c824b77

cn_image_2.size.hotel-fasano-s-o-paulo-s-o-paulo-brazil-109668-3

Se procuram um lugar para ficar ou só mesmo uma belíssima experiência gastronômica na vossa próxima visita a São Paulo, visitem site do Fasano!

www.fasano.com.br

BEIJINHOS,

MARIA

 

A place to remember – Kaá São Paulo

Junho 24, 2014 in DESIGN INSPIRATION, GLOBETROTTER, LET'S EAT!

IMG_6224

Não podia deixar de vos falar sobre este restaurante onde tive o prazer de jantar numa das noites em que estive em São Paulo… Chama-se Kaá (que em Tupi significa “folha, erva, mato”) e é um verdadeiro oasis no monte de betão e cimento que é São Paulo. Não há como não ficar de queixo caído com a imponência do lugar… a escala (800m2 de construção), a iluminação irrepreensível (projeto de Carlos Fortes) todos os pormenores de arquitetura de interiores (projeto mais que premiado de autoria de Arthur Casas) o jardim vertical ( de autoria de Gica Messiara) o som da agua a cair na fonte da entrada, o teto que recolhe e que deixa metade do restaurante “al fresco”…. tudo perfeito! – A única coisa que deixou ligeiramente a desejar foi só mesmo a frequência… muuuito longe de ser má, nada disso… mas com muitos executivos de fato e gravata, alguns casais e famílias… mas nestes lugares muito badalados uma turista acidental, como eu, espera sempre ser surpreendida pelas modas e por um corrupio de gente gira e cool, o que, com honestidade, não foi o caso. – Mas a carta, da responsabilidade do Chef Paulo Barros, era original e adorei a minha salada de pêra em vinho tinto acompanhada de queijo gorgonzola e folhas várias em molho de vinagrete. Acompanhada por um sumo de melancia daqueles que só mesmo no Brasil… um pão quente acabado de fazer, de babar… muito, muito bom!

Deixo-vos com algumas fotos do restaurante Kaá onde podem perceber a riqueza do projeto, o uso e abuso de madeiras nobres, a iluminação cuidada, a originalidade do bar rebaixado, a escala da estante de teca, o teto que recolhe, a estrutura de betão, as cadeiras estofadas, as cores sóbrias, o jardim vertical carregado de plantas da Mata Atlântica… Para uma decoradora… puro deleite!

Kaá São Paulo

Kaá Restaurante São Paulo

kaá

aakaka

ares

Kaá restaurante são paulo

Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 279 – Itaim Bibi, São Paulo – SP, 04542-020, Brasil
+55 11 3045-0043

UMA OTIMA 3ª FEIRA PARA TODOS!!

BEIJINHOS,

MARIA

 

The shelter of the nomad

Abril 22, 2014 in DESIGN INSPIRATION

Quando Diane Von Furstenberg decidiu montar os headquarters do seu império no distrito de Meatpacking em Nova York há 10 anos, não faltou quem a desencorajasse por estar a ir para uma área menos nobre da cidade, com cheiro de talho e muita ralé nas ruas. Mas ela fez o que o seu instinto mandou, como sempre. Por isso é uma trend setter. Os outros foram na “onda” e hoje este edifício está no centro de uma das zonas mais hip da cidade porque não há quem não queira estar por perto. Nos últimos 10 anos abriram os hotéis e restaurantes mais cool e não há ninguém que vá a NY que não queira passar por esta zona boémia. E é assim esta penthouse no ultimo andar do edifício DVF em que Diane decidiu fazer um aparamento só para si… boémia, acolhedora e cheia de boa energia.

Esta mulher, que é casada com o milionário (Barry Dillar), que tem um império de moda incalculável e que não há lugar no mundo onde goste de estar que não tenha uma casa, recusa sempre o rotulo de burguesa. Descreve-se como eclética, nómada e boémia. Um espírito livre que nunca conta os seus sonhos antes de os concretizar e que um dia teve uma visão do tipo de mulher que queria ser e foi seguindo o caminho que a levou onde está, no lugar de mulher, mãe (avó) de família e profissional realizada… para não dizer… living legend, que é na verdade, o rotulo que lhe assenta que nem uma luva!

Este apartamento que é só dela, (porque quando está em NY, o casal Dillar, tem ainda outro apartamento no hotel Carlyle onde ficam quando estão os dois na cidade), é uma penthouse no 6º andar de um típico edifício vitoriano de tijolo encarnado nova yorkino. É o espelho de uma vida dedicada a viajar, carregado de peças com cheio dos quatro cantos do mundo embrulhadas pela sofisticação de obras de arte, móveis vintage e uma linguagem forte de conforto. Todos os cantos transpiram comodidade sofisticada. Só de olhar dá-me vontade de não sair daquele mega sofá mostarda. Para não falar na cama/tenda. Um dia, quando for grande, ainda hei-de ter uma cama assim… – Parabéns à dupla de arquitetos Amale Andraos e Dan Wood  por este belíssimo trabalho de recuperação, transformação e interpretação de estilo!

[fotos retiradas do site da AD]

Em Dezembro de 2013 a minha amiga Paula Pinto Villas-Boas, de quem já vos falei [AQUI] por ser a designer da marca de fatos de banho Bikini Society, esteve em Nova York e postou esta foto no seu Instagram só para as amigas (como eu) ficarem a “babar” muito.  Já desde essa altura, e depois de encontrar esta reportagem no site da AD, que tenho andado com vontade de fazer este post. Porque inspiração nunca é de mais e esta casa é isso mesmo. Tal como estas duas mulheres na foto… Pure Inspiration!

BEIJINHOS E BOA 3a FEIRA!

MARIA

P.S. – Para quem não tem passado por aqui, queria só lembrar que até amanhã, estamos a promover um passatempo irresistível com as Pratas Topázio. Quem quiser saber detalhes para poder participar, siga este link [AQUI].

Kourtney Kardashian and her Dream Home!

Janeiro 20, 2014 in DESIGN INSPIRATION

A MAIS COOL DAS IRMÃS KARDASHIANS ABRE AS PORTAS DA SUA CASA PARA À REVISTA IN STYLE

Já fui tão gozada por ver o reality show Kepping up with the Kardashians que, como devem imaginar, estou completamente imune a criticas e suspiros de pena. – Já nem sei há quantos anos comecei a ver o programa, mas muito provavelmente,  já lá devem ir uns largos 7 aninhos… Tanta coisa mudou nas vidas destas pequenas desde então, que tem sido um precesso muito engraçado assistir a todo este desenrolar. Confesso que uma das coisas que mais gozo me tem dado é perceber como as suas casas têm melhorado com o passar dos anos… cada vez estão melhores! A casa da Kourtney é sem duvida a mais gira. ( Para quem não sabe a Kourtney é a mais velha e mais pintosa das 5 irmãs)  Quem segue a serie vai vendo bocados das divisões aqui e ali por isso eu sabia que a casa era linda… A Kourtney gosta de decoração… tem sempre dezenas de revistas Elle Deco espalhadas pela casa e invariavelmente o tema de conversa é sobre um candeeiro que quer comprar ou que papel de parede escolher …Como seria de esperar, tem um decorador, mas percebe-se que tem uma forte opinião e visão para a forma como quer a sua casa e esta produção para a revista InStyle é a maior prova que houve um longo trabalho conjunto entre cliente e decorador. – Só assim poderia resultar tão cool e bem esgalhada! – Uma casa memorável, cheia de pequenos pormenores que nos fazem pensar e que nos inspiram! – Na 5a feira passada quando vi as primeiras fotos desta produção a minha primeira reação foi… WAU!!!!! Pinta, pinta, pinta!!! -Apesar de já ter vistos pedaços aqui e ali, ver uma reportagem fotográfica em versão “Pacote Completo” é completamente diferente!  Nota 10!!

LIVING ROOM

Adorei as riscas largas, o contraste entre o preto e branco, as cortinas de linho transparente pretas e a simetria de todo o espaço. Amei o detalhe dos abat-jours pretos nos candeeiros turquesa a fazerem a continuidade das riscas. Tinham reparado?!… É Genial!! – De resto, a utilização de turquesa, amarelo e cor-de-rosa para contrastar numa base neutra… ficou lindo!

 DINNING AREA

Amo o candeeiro Jonathan Adler e, claro o chevron dos estores. Não adoro mesas com tampo de vidro mas tenho que admitir que são praticas!

 FAMILY ROOM

Aqui gosto do felling geral acolhedor da sala de televisão, com lareira. Claro que adoro a tenda e tenho a certeza que os filhos dela devem amar. Afinal de contas é uma sala de família, onde todos se devem sentir bem. E que bom exemplo de um elemento infantil sem ser 10 mil brinquedos do toys r Us daqueles medonhos que matam qualquer decor. Concordam?

 HOME OFFICE

Ui… o que eu adorei este escritório preto! A zebra, os livros em degradee (ela diz que foram herança de família mas a malta sabe que foram comprados “ao quilo” certo?!… é indiferente, fica giro que se farta!) a secretaria de estilo. Tudo top!

 GARDEN ROOM

Esta sala mais aberta para o jardim, meia sala de familia, meia sala de musica, é linda com a exaustão de riscas pretas e brancas e com pontos de contraste como a chaise rosa forte que, pelos vistos, foi “herdada” da mana Kloé. Amo o pouff marroquino com duas cores e a tenda, claro.

 

KITCHEN

A cozinha é acolhedora e classica. Adoro os bancos vintage e os candeeiros Tom Dixon!

 MASTER BEDROOM

A-D-O-R-O o sinal neon!!! – Ando há séculos a querer um assim assim para o meu quarto principalmente porque acho a luz cor-de-rosa super sexy! – Este quarto está lindo, acolhedor e invulgar!

 MASTER BATHROOM

Fiquei intrigada com este teto que parece meio espelhado e por isso dá-nos uma ilusão de escala muito interessante. Ou seja, é uma casa de banho com muita pinta!

MASON’S ROOM

Gosto do lambrim cinzento e branco e, principalemente, achei graça à continuidade do teto às riscas. E qual é a criança que não adoraria ter uma girafa gigante no quarto?! Adoro…

PENELOPE’S ROOM

O meu preferido, não fosse rosa e turquesa! – AMO de paixão este candeeiro. Já o tentei usar em alguns projetos mas é caro e ainda não consegui convencer ninguém a compra-lo. Mas é realmente uma peça memorável. Não a imaginaria num quarto de criança.. mas elas são as Kardashians, correcto?! – Manda lá vir um lustrezito de 5000$ para o quarto da menina!! – Achei graça a cama estar no centro da divisão. Adorei o papel de nuvens rosa no teto e claro, o tapete em rosa e laranja… não podia ter ficado melhor!

CHILDREN’S PLAY ROOM

Aqui gosto das pranchas no teto, principalmente porque são as duas lindas de morrer. As caixas de brinquedos em formato de peça de lego também são muito divertidas!

Espero que tenham gostado desta casa que me tirou o fôlego de linda!! – Kourtney Kardashian e decorador Jeff Andrews de PARABÉNS!!! – Agora só quero mesmo comprar a revista para ler o artigo e ficar a saber os pormenores que as fotografias não falam.

 Nota. Fotos retiradas do site www.domainehome.com

Qual a vossa divisão preferida??? – Fico curiosa em saber!!

BEIJINHOS,

MARIA

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: