A nossa cozinha nova

Outubro 20, 2017 in MY DESIGNS, MY WORLD OF INTERIORS

Cozinha MB

Já vos devia este post há algum tempo, não é verdade?! O facto de andar muito pouco ativa aqui pelo blog não terá ajudado, mas, como diz o ditado, mais vale tarde que nunca, e hoje partilho convosco fotos da nossa cozinha que mostram bem como ficou diferente depois da reforma que fizemos há uns meses.

Muito importante lembrar que continuámos a viver em casa durante as duas semanas em que a obra durou e sobrevivemos, inclusive a 2 ou 3 dias sem caldeira. O que podia ter sido um total incomodo acabou por ser (quase) uma aventura divertida… fizemos o reconhecimento de todos os restaurantes da zona e abusámos da boa vontade e hospitalidade da nossa vizinha Mafalda, onde a Clarinha tomava grandes banhos e onde passámos alguns serões bem divertidos.

As principais razões que me fizeram querer renovar a cozinha foram, em primeiro lugar, o seu aspeto já ligeiramente outdated, depois o facto de alguns eletrodomésticos começarem a dar sinais dos tempos (ao fim de 15 anos de muito uso é normal) e porque um ano antes tínhamos renovado as áreas sócias e a diferença que se sentia na transição dos espaços era quase incomoda, pelo menos para mim.  De um momento para o outro, livrar-me daqueles azulejos verdes e armários verdes, tornou-se mais que imperativo. E pronto, assim aconteceu!

Cozinha MB

A maior diferença do lay-out anterior para o atual, foi a inserção de um móvel ilha que foi uma ajuda preciosa para tornar a cozinha mais prática. Há 16 anos quando desenhei a primeira cozinha achei que ter uma area aberta sem moveis ia dar jeito para tem tinha um bebe acabado de nascer e a verdade é que aquele chão, ao longo dos anos, viu muito triciclo, skate, patins e muita brincadeira…  por isso acho que a escolha que fiz na altura terá sido acertada.

Cozinha MB

A nossa placa de fogão anterior tinha dois bicos de gás e dois de indução que eu, literalmente, nunca cheguei a usar por isso desta vez assumi que sou mesmo old fashioned nestas coisas e encomendei uma placa preta com quatro bicos de gás à moda antiga.

O suporte e os utensílios de cozinha pendurados na parede são os originais que tenho há 16 anos. Da marca Rosle. Na altura foram caros, mas percebem como se pagaram a eles próprios?! Impressionante a qualidade…

Cozinha MB

Optámos por um lava loiça de uma única cuba e a torneira tipo peixaria foi o unico requisito do Rui para esta nossa cozinha, por isso, não foi sequer uma questão. Tinha mesmo de ser assim! Ele ficou contente e, na verdade, eu também porque estas torneiras são muito práticas.

Cozinha MB

Cozinha MB

Neste canto tínhamos um armário despenseiro com gavetas “tipo farmácia” e não vos posso explicar o que aquelas gavetas já me irritavam. Fiquei feliz de ter estas prateleiras onde colocamos cestos… de fruta, legumes, pão… o que for… Estão ali à mão, de fácil acesso, como eu gosto. Aquela arca da coca-cola é original o foi um presente da minha família americana da AFS por isso é daqueles cromos que terá sempre de ficar pelo valor sentimental.

Cozinha MB

Sim, é verdade… etiquetei quase tudo o que havia para etiquetar, mas ainda tenho um longo trabalho pela frente… ; )

Cozinha MB

Os azulejos pretos e brancos têm uma medida maior que os azulejos normais. São 20×20 e apesar de parecem muito simples não existiam no mercado pelo que foram feitos por encomenda para este projeto e resultaram lindos. Foi a decisão que mais me custou fazer e a que mais gostei no final.

Cozinha MB

Cozinha MB

As prateleiras e bancadas de madeira envernizada foi uma encolha fácil porque durante anos foi assim na cozinha anterior e eu gosto do contraste meio rústico da madeira com a superfície clean dos armários lacados.  Acho acolhedor, gosto do tato da madeira e a ultima coisa que queria era ter uma cozinha com um ar cirúrgico ou de clinica como agora brotam por aí como cogumelos. Tinha vontade de ter armários brancos, é uma realidade, mas também não queria ter uma cozinha com ar minimalista.

Cozinha MB

Cozinha MB

Mantive o forno e micro-ondas exatamente onde estavam os anteriores. A maior diferença é que este micro-ondas da AEG também acumula as funções de forno e é tão eficiente que muitas vezes acaba por ser aquele que uso mais vezes. Na verdade tenho a conveniência de ter dois fornos quando quero fazer um bolo ao mesmo tempo que um prato de forno e nesta fase em que ando super entusiasmada com a “arte” da culinária, tem provado ser muito útil!

Cozinha MB

Neste alçado criei o que chamo, a estação dos pequenos-almoços, onde tenho sempre à mão quase tudo para preparar os nossos pequenos almoços de todos os dias e onde tenho em exposição a minha máquina de café DéLonghi que adoro. Parece um brinquedo… é linda e faz-me o melhor café todas as manhãs!

Cozinha MB

Cozinha MB

Acabei por comprar também uma torradeira nova. Escolhi a Kenwood com vários programas especiais… pão de forma, bagel, croissant e baguete. Aconselho. Não tivemos mais torradas queimadas cá em casa!

Cozinha MB

Troquei o frigorifico anterior por uma versão atualizada mas muito semelhante da AEG. Quando nos habituamos a ter uma máquina de gelo e agua filtrada, é difícil abdicar. Este frigorifico tem uma particularidade muito simpática que é uma porta para bebidas. É pratico, poupa energia e é amigo do ambiente.

Cozinha MB

A copa, onde fazemos maior parte das refeições quando só estamos os quatro, é uma pequena area que adoro porque é prática e, por ter uma decoração ligeiramente diferente, torna o ato de fazer uma refeição na cozinha, tão mais civilizado.

As cadeiras e a mesa são as mesmas da decoração anterior. Na verdade as cadeiras são originais Vitra e sim são as mesma há anos sem fim. A mesa é da IKEA, igual à mesa anterior, mas esta é nova porque a outra já estava mais para lá do que para cá. Adoro esta mesa deve ser das melhores compras da IKEA…

Cozinha MB

Cozinha MB

Este papel de parede tão Beverly Hills Hotel style é assim a carta mais fora do baralho de toda a cozinha. Eu sei, ou se odeia ou se adora. Eu, claro, estou no Team LOVE… mas também não vou ficar muito atrapalhada quanto me fartar. São só dois rolos de papel. Troca-se. Alias a cozinha acabou por ficar tão neutra que se eu não trouxesse um elemento fun para a decoração, nem seria eu. Assim, fica definitivamente, com a minha assinatura.

Cozinha MB

Cozinha MB

Para quem não conhece, esta é a Kate Moss a nossa Jack Russel que, apesar dos seus 9 anos, continua quase tão doida como no dia em que veio cá para casa… E sim, a cama dela está a altura da nova cozinha. Ela merece!

Enfim, espero que tenham gostado. Se tiverem perguntas deixem-nas que tentarei responder. Vou deixar-vos o contacto do fabricante de cozinhas [ PORTAS E GAVETAS ] que fez não só esta mas que tem sido meu parceiro em vários projetos ao longo dos últimos anos. É nacional, competente e cumpridor nos prazos de entrega e montagem. Quem quiser pedir um orçamento para renovar a cozinha, aproveite esta campanha que estamos a fazer em parceria e use o código MBHome no ato do pedido. As minhas leitoras beneficiarão de um desconto de 10%. Elas já têm um preço bastante acessível, desta forma fica irresistível. Eu sei, sou querida! Aproveitem!!

PORTAS E GAVETAS
Av. 25 de Abril, lote 2, loja 1 – 2400-265 Leiria
tel: +351 244 837 890
Telemóvel: +351 939 087 320
portasegavetas@hotmail.com

WWW.PORTASEGAVETAS.PT

beijinhos

 

O Bolo de aniversário do Salvador

Outubro 13, 2017 in LET'S EAT!

Bolo anos Salvador

Como a experiencia com o Bolo dos Anos da Bu acabou por não ser a total tortura e na verdade não sobrou uma migalha, ontem já foi com alguma segurança que me abalancei a fazer o bolo para os 16 anos do Salvador.

Como organizei, cá em casa, um almoço Vegan para toda a familia, achei que o Bolo tinha de ser também Vegan, como é evidente. Até porque já tinha experimentado a receita e sabia que ficava ótimo. Assim, também aproveitei para aquietar os ânimos das avós, que acham que os netos andam a sofrer com este nosso novo regime vegetariano. Pessoal, podem relaxar… os meninos não passam fome! E , às vezes, até gostam! ; )

Esta receita de Bolo de Alfarroba e Chocolate da Gabriela Oliveira é ótima, fácil e… vegan! Sem leite, sem ovos… é verdade. E, vai-se lá saber como… até fica mesmo bom!

 

Para a massa de um bolo

(neste caso, fiz dois)

1 chávena de farinha de trigo integral

1 chávena de farinha de espelta

1 chávena de açúcar amarelo ou açúcar de coco

3 c. sopa farinha de alfarroba

3 c. sopa chocolate em pó

1 c. café gengibre em pó

1 c. sopa linha moída

1 c. sopa fermento em pó

1 c. café bicarbonato de sódio

(Juntar todos os ingredientes sem ordem especifica numa taça)

1 chávena de leite de aveia

1/2 chávena de oleo vegetal

1 c. café extrato de baunilha

(Juntar os líquidos numa taça, misturar, verter tudo de uma vez para a taça onde tinha os secos, bater com uma vara de arames durante 1 minuto e já está pronto para colocar numa forma e levar ao forno pré aquecido  a 180ºC durante 25 minutos aproximadamente)

Deixar arrefecer e montar com uma camada intermédia de natas vegetais batidas com açúcar amarelo a gosto. Coloquei também morangos cortados em bocadinhos.

Por fim, fiz uma calda de chocolate e derramei por cima. Neste caso aqueci natas vegetais com um pouco de açúcar amarelo num lume baixinho durante uns minutos. Tirei do lume e fui juntando quadradinhos de chocolate de culinária. No fim enfeitei com frutos vermelhos.

Nesta receita que vos passo existem algumas alterações em relação à receita original. Mas podem sempre comprar o livro Cozinha Vegetariana da Gabriela Oliveira, que, para mim tem sido, assim, uma espécie de bíblia dos nossos almoços e jantares.

Espero que experimentem mas, principalmente, espero que gostem e partilhem!

beijinhos

 

Panquecas de Alfarroba e Canela

Agosto 5, 2017 in RANDOM STUFF

Panquecas de Alfarroba

Há assim umas experiencias que correm tão tem que temos mesmo de as partilhar, por isso aqui estou, a um sábado, para vos passar uma receita de panquecas vegan que experimentei hoje e adorei, ao contrários de algumas não tão boas experiências anteriores. Que isto de fazer, literalmente, Panquecas sem ovos, é realmente uma proeza…

Há já um mês que ando a tentar fazer uma alimentação mais saudável cá em casa, reduzindo totalmente o consumo de enchidos e carnes processadas, alimentos refinados e conservados, diminuindo ao máximo os laticínio, carne e peixe… privilegiando uma alimentação mais à base de legumes, leguminosas e fruta biológica. Até agora, “so far so good” à parte das pressões do Salvador que tem 15 anos e, claro, não perde uma oportunidade para ir “encher a cara” de hambúrgueres onde quer que seja. Mas confesso que desta vez estou a sentir uma convicção diferente de tentativas anteriores, por isso é melhor que o Salvador se vá habituando à ideia!

Na verdade o que me custa mesmo mais é não comer ovos… e não conseguir arranjar uma boa receita de panquecas para os nossos pequenos almoços de fim-de-semana já me estava a começar a irritar ligeiramente.

Hoje segui esta receita, quase à risca, da jornalista Gabriela Sobral e gostei imenso! A parte mais complicada é ter em casas estes ingredientes todos, porque de resto é simplíssimo….

Têm de ter apenas em atenção que a aveia deve ser pré demolhada em água a ferver e a linhaça deve sempre ser moída.

Colocam-se todos os ingredientes no copo misturador (no meu caso usei a bimby) e bate-se durante uns 15 segundos à velocidade 4. Deixa-se a massa repousar por vinte minutos. Fazem-se as panquecas normalmente.

Serve-se com fruta e nozes picadas. Em vez de syrup normal podemos fazer uma Calda de Alfarroba. Para isso basta aquecer numa caçarola, uma chávena de leite vegetal com duas colheres de sopa de farinha de alfarroba, canela e duas colheres de sopa de agave.

Espero que experimentem e gostem também! Sem duvida uma alternativa muito mais saudável para os pequenos almoços de fim-de-semana!

beijinhos

 

My Lovely Birthday Brunch at the Ritz

Julho 4, 2017 in LET'S EAT!, MY HAPPY SELF

Brunch at the Ritz

Este ano, comecei o meu dia de anos da forma mais divertida e inspiradora que possam imaginar… e as fotos que resultaram desta minha festa ficaram tão queridas que seria um desperdício não as partilhar aqui com vocês!

Ao contrário dos últimos anos, estávamos em Portugal, o Rui tinha planeado um fim de semana na Comporta por isso achei que havia esta janela de oportunidade para poder estar com as minhas amigas e juntar-mo-nos para um pequeno almoço no Sábado de manhã, antes de irmos para a Costa Alentejana.

A minha ideia de “pequeno almoço de amigas” rapidamente evoluiu para um Brunch. Por isso acabei por escolher faze-lo no lugar onde sabia que seria MESMO memorável… No Ritz Four Seasons em Lisboa.

Brunch at the Ritz
Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

A sala do restaurante Varanda, onde acontece este Brunch todos os fins-de-semana (entre as 12:30 e as 16:30), tem uma mesa redonda que senta 12 pessoas, neste caso 13, que foi o numero exato de amigas que reuni para este evento… Claro que tive muita pena por aquelas que não estavam cá ou que por qualquer outro motivo não puderam ir, mas acabei por ter o numero ideal para nos sentarmos numa mesa redonda tão mais simpática, onde acabámos por ficar horas à conversa enquanto nos deliciávamos com as iguarias do Chef francês Pascal Meynard (distinguido com estrelas Michelin) e do pasteleiro Fabian Nguyen. Honestamente, é tudo tão delicioso e bem apresentado que nos sentimos num cenário de um filme…

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Para uma pessoa como eu que sou uma”control freak” disfarçada de cool, marcar este brunch no Ritz foi a melhor decisão. Eu sabia que ia estar tudo lindo, tudo delicioso… irrepreensível, sem eu ter de me preocupar excessivamente com nada. O meu único pedido foi para que o arranjo de flores fosse personalizado com um degradé de Peonías feito pelo Martins Alves que, para além de ser um querido amigo é o responsável pelos maravilhosos e imponentes arranjos florais do Ritz há muitos anos. E um bolo de anos feito por encomenda pela A Festa do Bolo, porque na nossa família, os bolos das ocasiões especiais serem feitos pela Silva já virou tradição. São lindos por fora e deliciosos por dentro. Mesmo! De resto, só tive de Acenar e Sorrir! As minhas maravilhosas amigas fizeram o resto. Foram elas que encheram o meu dia de emoção, alegria, gargalhadas e amor. Tanto amor e gratidão que eu senti no meu dia de anos. Não tenho palavras para descrever o que senti… ao ver cada uma a chegar, cumprindo à risca o Dress Code que lhes dei com apenas uma semana de antecedência (chatarrona). Em cada abraço sentido. Nas lágrimas e nas gargalhadas. Nos presentes que me ofereceram, nas fotos… nas memórias que partilhámos naquela enorme mesa redonda onde fomos ficando até literalmente ser praticamente hora de lanchar…

_DSC6173

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Birthday Brunch at the Ritz

Claro que este precioso registo fotográfico só foi possível porque esteve ao nosso lado, todos os minutos, a minha querida amiga Teresa Aires (The Light Place), a quem agradeço do fundo do coração esta recordação maravilhosa que fez questão de me oferecer como presente de aniversário. Sem palavras querida e talentosa amiga!

 Birthday Brunch at the Ritz

Ficam muitas fotografias por publicar… imagens e memorias que me vão acompanhar pela vida fora! Nunca me vou esquecer deste dia e do amor que senti. Um dia, à mais de um ano, quando estava no Ritz e reparei naquela grande mesa redonda acho que a imaginei cheia de mulheres à volta e muitas gargalhadas. No dia 1 de Julho esse sonho aconteceu e por isso, pelo que senti e partilhei, agradeço a Deus! Só isso…

beijinhos

Ser mãe é aprender a pilotar avião em pleno voo!

Maio 17, 2017 in FAMILY BUSINESS

Mãe

Já não escrevia aqui há tanto tempo. E porque nestes meses fui recebendo  muitas mensagens vossas a questionar este meu afastamento do blog, não queria deixar de vos dar uma satisfação. Não tenho escrito não exatamente por falta de tempo ou assunto mas porque pessoalmente deixei de seguir todo e qualquer blog. Vou buscar ao Instagram a informação que antes ia procurar em blogs e o meu interesse simplesmente esmoreceu. Será que fui a única pessoa a quem isto aconteceu??? Quando a nossa percepção sobre a realidade muda desta forma torna-se quase uma imposição fazermos o que não nos parece natural. Mas haverá sempre textos que são longos de mais para o Instagram ou mensagens que queremos que fiquem registadas com uma dignidade diferente. Ligeiramente menos descartável…

No outro dia, e a propósito do Dia da Mãe, uma amiga postou no Instagram (lá está…) um texto belíssimo escrito em Português do Brasil por Cris Guerra, a autora do blog Palavras para Vestir [aqui] .

Gostei tanto que vou deixa-lo aqui para quem o quiser ler. Está tudo contido nestas linhas escritas com piadas e trocadilhos informais…Haverá frase mais esclarecedora sobre maternidade que – “Mãe aprende a pilotar o avião em pleno voo” ?! Este texto é uma delicia e eu tinha de o partilhar. Espero que gostem!

Cris Guerra

“Dizem: quando nasce um bebê, nasce uma mãe também. E um polvo. Um restaurante delivery. Uma máquina de chocolate prontinho. Uma mecânica de carrinhos de controle remoto. Uma médica de bonecas. Uma professora-terapeuta-cozinheira de carreira medíocre. Nasce uma fábrica de cafuné, um chafariz de soro fisiológico, um robô que desperta ao som de choro. E principalmente: nasce a fada do beijo.

Quando nasce um bebê, nasce também o medo da morte – mães não se conformam em deixar o mundo sem encaminhar devidamente um filho.
Não pense você que ao se tornar mãe uma mulher abandona todas as mulheres que já foi um dia. Bobagem. Ganha mais mulheres em si mesma. Com seus desejos aumentam sua audácia, sua garra, seus poderes. Se já era impossível, cuidado: ela vira muitas. Também não me venha imaginar mães como seres delicados e frágeis. Mães são fogo, ninguém segura. Se antes eram incapazes de matar um mosquito, adquirem uma fúria inédita. Montam guarda ao lado de suas crias, capazes de matar tudo o que zumbir perto delas: pernilongos, lagartas, leões, gente.
Mães não têm tempo para o ensaio: estreiam a peça no susto. Aprendem a pilotar o avião em pleno voo. E dão o exemplo, mesmo que nunca tenham sido exemplo. Cobrem seus filhos com o cobertor que lhes falta. E, não raro, depois de fazerem o impossível, acreditam que poderiam ter feito melhor. Nunca estarão prontas para a tarefa gigantesca que é criar um filho – alguém está?
Mente quem diz que mãe sente menos dor – pelo contrário! Ela apenas aprende a deixar sua dor para outra hora. Atira o seu choro no chão para ir acalentar o do filho. Nas horas vagas, dorme. Abastece a casa. Trabalha. Encontra os amigos. Lê – ou adormece com um livro no rosto. E, quando tem tempo pra chorar – cadê? -, passou. A mãe então aproveita que a casa está calma e vai recolher os brinquedos da sala. “Como esse menino cresceu”, ela pensa, a caminho do quarto do filho. Termina o dia exausta, sentada no chão da sala, acompanhada de um sorriso besta.
Já os filhos, ah… Filhos fazem a mãe voltar os olhos para coisas que não importavam antes. O índice de umidade do ar. Os ingredientes do suco de caixinha. O nível de sódio do macarrão sem glúten. Onde fica a Guiné-Bissau. Os rumos da agricultura orgânica. As alternativas contra o aquecimento global. Política. E até sua própria saúde. Mães são mulheres ressuscitadas. Filhos as rejuvenescem, tornando a vida delas mais perigosa – e mais urgente.
Quando nasce um bebê, nasce uma empreiteira. Capaz de cavar a estrada quando não há caminho, só para poder indicar: “É por ali, filho, naquela direção”.

beijinhos

Assim foi o meu Natal pela imprensa…

Janeiro 10, 2017 in IN THE PRESS

Revistas Caras Natal 2016

Revista Caras Natal 2016

Revista Caras Natal 2016

Revista Caras Natal 2016

No outro dia uma amiga minha veio cá a casa jantar, olhou para a minha arvore de Natal e expressou a sua “indignação” por eu não ter feito uma partilha nas redes sociais das decorações de Natal cá de casa…

Eu achei alguma graça principalmente porque, não partilhei exatamente porque apareceu em fotos nas revistas Flash e Caras.. não quis causar um pequeno enjoo a quem me vai seguindo.

Contudo, atendendo a que algumas das minhas leitoras podem também não ter passado as vistas pela imprensa cor-de-rosa… aqui fica o registo da nossa arvore de Natal, que, como vão poder ver, este ano, foi carregada de “Boas Intenções” literalmente!

Para assistirem ao video deste “Making Of” sigam o link [AQUI] para o site da Caras.

_dsc6023

_dsc6072

_dsc5937

_dsc5913

_dsc5922

_dsc5935

_dsc5946

_dsc5943
_dsc6118

Fotos by Teresa Aires

Nem faltou o pratinho de bolachas e o copo de leite para o Pai Natal… Aqui em casa a coisa ainda é levada com alguma seriedade!

Espero que tenham gostado! Agora, já só há mais para o ano… ufa!

beijinhos

Welcome to our lives 2017!

Janeiro 4, 2017 in MY HAPPY SELF

Happy New Year 2017

Como vocês sabem, gosto de passar o ano em casa ou em casa de amigos. Gosto de conversar, comer bem, contar histórias, rir e se der.. dançar. Mas que seja um programa sem grandes produções… gosto de ter tempo e espaço para pensar naquelas ultimas horas do ano. Esta passagem do ano teve um bocadinho de tudo o que eu gosto… O conforto da minha casa, a melhor Cataplana de Marisco para jantar, a companhia de amigos queridos e bem dispostos… Faltou-me o Salvador que ficou no Rio de Janeiro com uns amigos mas nem por um minuto achei que estaria melhor aqui. Alias, fui eu que o insentivei a ficar por lá. Ter 15 anos e poder passar o ano com vista para o fogo de artificio de Copacabana… quem não quereria estar no lugar dele?! Olha, eu não me teria importado de certeza! Por isso, o facto de ele ter tido essa oportunidade até foi mais uma razão para o meu coração estar cheio de alegria.

Não vou fazer grandes resumos do ano que passou. Posso dizer-vos que foi em tudo muito melhor que o ano anterior. Mas como vos contei há um ano, 2015 foi um ano difícil mas que me fez ser melhor, por isso nunca o quererei apagar da minha memória. 2016 por comparação, foi mais leve, mais calmo, mais feliz!

Na meia noite não pedi nada. Só agradeci… Tantos momentos, pessoas e imagens que recordei … e fui, uma a uma e calmamente, agradecendo tudo e todos aqueles que fazem parte da minha vida, que lhe dão alegria, que a moldam com sorrisos, que me ensinam e me fazem crescer todos os dias. Agradeci principalmente a Deus. Por se manifestar em mim e por se fazer sentir em tantas situações. Agradeci ao meu Deus das Pequenas Coisas, aquele que se revela num pôr do sol, num gelado, numa gargalhada, num abraço. Agradeci ao meu Anjo da Guarda e a todos os meus Guias que me acompanham e me apontam o caminho certo. Agradeci a família que tenho, o amor, a saúde, a paz que sinto, a minha energia, criatividade, boa disposição, força interior e fé.

Pedi apenas a Deus para me ajudar sempre a ser a melhor versão de mim, aquela que não julga os outros e que somente se foca em ser feliz e deixar um rasto de felicidade à sua volta.

O que pedi para mim estende-se, como é evidente, aos meus filhos, ao Rui e a toda a minha família e amigos. No limite… estende-se ao todas vocês que me seguem! Desejo que 2017 seja um ano brando, sem grandes preocupações e carregado de Amor, Saúde e muita Paz de Espirito!

A Paz começa em casa, na forma como nos relacionamos com aqueles que estão perto de nós. Em 2017, vamos todos fazer o que estiver ao nosso alcance para reconstituir a Paz ao Mundo! Vamos todos ser a mudança que queremos ver, vamos todos ser a melhor versão de nós!
beijinhos

P.S – Logo a seguir à meia noite, eu e a Bu tirámos a nossa fotografia da praxe…. aquela que tiramos todos os anos desde 2012, já lá vão 5 anos. Aqui fica para a posteridade!

Bem vindo às nossas vidas, 2017!!

Ano Novo 2017

img_0907-1024x1024

Ano Novo

Ano Novo Ano Novo

Super Elixir For a Fresh Start!

Janeiro 2, 2017 in HEALTH & BEAUTY, RANDOM STUFF

super elixir

Tenho andado há tempos para vos falar deste Elixir, por isso achei que devia começar este ano com um post de “serviço público”. Partilharmos aquilo que sabemos que faz bem é uma forma de espalharmos um pouco alegria e bem estar à nossa volta.

Um dia tropecei numa imagem no Instagram com um pó chamado Super Elixir num pote preto, lindo. Não fiquei indiferente e fui procurar saber o que era. Nesse mesmo dia e depois de alguma pesquisa encomendei a minha primeira embalagem. Não achei que era propriamente barato ainda mais porque encomendei no Net-a-Porter e paguei os portes mas não tardei a ficar viciada naquele pó que me fazia sentir bem e que me dava uma energia suplementar que me andava a faltar.

Ainda estava eu no inicio desta minha aventura pelo mundo dos suplementos vitaminicos/alcalinos quando encontrei a minha amiga France (dona da loja Espace Cannelle) e lhe falei sobre o “pó milagroso”. Sugeri-lhe que procurasse saber se eles estavam interessados em ter alguém a representa-los em Portugal porque achei que o conceito da loja Espace Cannelle encaixava com o requinte das embalagens e de todo o conceito de saúde e beleza que o produto promovia.

Tinha falado com a pessoa certa! Em poucas semanas tinhamos os produtos Wellco, Super Elixir e Super Protein à venda em Portugal.

Desde então tenho sido uma cliente apaixonada pelo produto ainda mais pela facilidade que agora tenho em compra-lo em Portugal e poupar nos portes de envio.

Tenho feito partilhas no Instagram, mas hoje queria começar o ano por vos aconselhar esta pequena grande mudança na vossa rotina que vos vai fazer sentir melhor, com mais energia e mais saúde. Isto porque o vosso corpo sentirá os benefícios de ser alcalino.

Sabem o que é um corpo alcalino?

  • A acidez ou a alcalinidade é medida no nosso sangue, através de uma escala que vai de 0 até 14. Qual é o nível mais adequado? A metade, quer dizer, mais ou menos 7,4.
  • O que acontece quando há um aumento deste nível? Que nosso organismo se torna mais “ácido” e que, frente a esse desequilíbrio, o corpo reage buscando nutrientes dos órgãos para compensar essa diferença, e é aí quando começam os problemas.
  • O que faz com que tenhamos um corpo mais ácido? O stresse, a contaminação, uma dieta inadequada, o tabaco, o sedentarismo…
  • A acidez é medida, sobretudo na saliva e na urina.
    Um corpo ácido é um organismo que perde nutrientes, vitaminas e minerais, e  isso reflete-se imediatamente na fragilidade das unhas, na queda do cabelo, num cansaço que não conseguimos explicar e em dores de cabeça.

Uma vez li qualquer coisa que comparava “um corpo ácido” com um carro. De alguma forma tornou-se numa imagem muito clara e fácil de entender: Um carro que tenha ácido no motor, não vai funcionar, mas se o carro estiver “alcalino” e bem lubrificado, então ele funcionará na perfeição. Com o nosso corpo acontece a mesma coisa.

O nosso objetivo é tentar manter sempre um corpo mais alcalino do que ácido, com um nível de pH que não se afaste muito desse 7,4.

Alimentos que devemos evitar:

laticínios
refrigerantes
farinha branca
açúcar
sal
fritos
café
carne vermelha
álcool

Alimentos que devemos consumir:

Limão e Lima
Espinafre
Pepino
Alho
Chá verde
Bagas Goji
Amêndoas cruas
Abóbora
Tomate
Cebola
Abacate
Gengibre
Couve de Bruxelas

Para além destes cuidados, temos de dar prioridade a algum tipo de atividade física que nos ajude a eliminar toxinas e que ajude a restabelecer os níveis de oxigênio no nosso sangue. A atividade física vai também ajudar a que nos sintamos menos stressados. O trabalho, as pressões familiares, os problemas emocionais e uma existência marcada pelas emoções negativas traduzem sempre em desequilíbrios químicos e num maior índice de acidez.

Ou seja, vamos começar este novo ano das nossas vidas com a conscincia de que não basta desejar uma vida feliz e debitar 12 desejos à meia noite. Emagrecer, ser menos sedentário, mais saudável, mais alegre, ter mais energia, ser mais saudável… são objetivos que estão, muitas vezes, mais nas nossas mãos que na vontade do destino!

Vamos, todos juntos, viver de uma forma mais saudável. O SuperElixir poderá ser apenas o “primeiro tijolo” para uma vida melhor. Não deixem de experimentar! Apenas duas colheres de chá todos os dias, na sua agua ou num sumo matinal, vão fazer uma enorme diferença na forma como sentem o vosso corpo. Já tomo há meses suficientes para vos aconselhar este produto com alguma legitimidade! Espero que gostem, que se sintam bem com as diferenças que vão sentir no vosso corpo e que sejam muito, muito felizes em 2017!

Para contactarem com Espace Cannelle sigam este link [AQUI]

Para ficarem a saber ainda um pouco mais sobre o Super Elixir vejam o side australiano [AQUI]

beijinhos

 

As Cartas de Madre Teresa

Dezembro 19, 2016 in BRIGHT MINDS, MOVIES & PLAYS

As Cartas de Madre Teresa

Porque o Natal é uma altura de repensarmos a forma como honramos tudo aquilo que Jesus nos pediu que fizéssemos, venho deixar-vos a sugestão de um filme lindo sobre a vida da Santa Madre Teresa de Calcutá. Contada através da interpretação das cartas que ao longo de 50 anos foi enviando ao seu líder espiritual, o Padre Celeste van Exem, este filme é um relato quase documental, da vida desta mulher de origem Albanesa que foi ordenada freira aos 17 anos pela ordem das Irmãs do Loreto, na Irlanda. Serviu esta ordem durante 10 anos ensinado meninas de boas famílias num convento na India, até ao dia em que sentiu que Deus a chamava para uma missão mais importante. Abraçaria, a partir daí, o trabalho de acudir os miseráveis, marginalizados, pobres, moribundos… os intocáveis. Como foi que Madre Teresa conseguiu sair da clausura do convento, fundar a sua própria congregação de irmãs, As Missionarias da Caridade, e ajudar milhares e milhares de pessoas ao longo da sua vida? Uma história inspiradora que vos vai fazer pensar.

Aluguei o filme da Zon.

Não queria terminar sem vos deixar este poema escrito por Madre Teresa. Se gostarem partilhem-no com os vossos amigos, leiam-no aos vossos filhos. Vamos tentar acrescentar ao nosso Natal aquilo que tantas vezes lhe falta… espiritualidade, misericórdia, perdão, compaixão, amor…

Madre Teresa Poema

“Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas. Perdoa-as assim mesmo.

Se és gentil, as pessoas podem acusar-te de seres egoísta, interesseiro. Sê gentil, assim mesmo.

Se és um vencedor, terás alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros. Vence assim mesmo.

Se és honesto e franco, as pessoas podem enganar-te. Sê honesto assim mesmo.

O que levaste anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra. Constrói assim mesmo.

Se tens Paz e é Feliz, as pessoas podem sentir inveja. Sê Feliz assim mesmo.

Dá ao mundo o melhor de ti. Se não for o suficiente, dá o teu melhor assim mesmo.

Percebe que, no final de contas, é entre ti e DEUS. Nunca foi entre ti e as outras pessoas.”

Santa Madre Teresa de Calcutá

beijinhos

Sweet Christmas

Dezembro 17, 2016 in LET'S EAT!

Joana Reymão Nogueira

Lembrei-me de organizar um lanche especial para comemorarmos o ultimo dia de aulas e o inicio das, já bastante aguardadas, férias de Natal. Como tive uma semana um bocado mais preenchida do que o habitual, lembrei-me de encomendar umas mini tartes para alegrar a mesa não só porque são lindas mas principalmente porque são as minhas preferias. A de lima então é uma perdição… Liguei à Joana e ela resolveu-me o assunto! Ficou tudo perfeito, não me deu trabalho nenhum e entregaram em casa, como sempre!

Joana Reymão Nogueira

Joana Reymão Nogueira

Joana Reymão Nogueira

Entretanto a Joana falou-me numa acção especial que a JRN Doçarias está a fazer agora na época das festas e eu achei tão boa ideia que lhe pedi logo para me enviar toda a informação de forma a poder partilha-la com vocês!

Para quem gosta da doçaria típica desta época mas não sabe ou não tem disponibilidade nem tempo para a fazer, vou deixar-vos esta dica que me pareceu preciosa!

Não percam tempo e façam já as vossas encomendas que serão entregues com tempo no aconchego das vossas casas! Pedidos por email para:  jrn@jrn-docarias.com

kit-especial-jrn

kit-mini-jrn

kit-s-jrn

Para ficarem a conhecer todos os bolos e sobremesas que a Joana faz, espreitem o site da JRN Doçarias! [AQUI]

Espero que esta informação vos seja util! Amanhã vou fazer um post com fotos de mais uma mesa com Espirito de Natal… Até lá,

beijinhos

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: